(Ensaio) Hyundai i30 CRDi: M-Hybrid a gasóleo que faz sentido!

A aposta no mercado automóvel está cada vez mais virada para os modelos eletrificados, o que claro está, tem uma razão para acontecer. A palavra de ordem no mundo Auto é a eficiência, e claro, também a cada vez mais inegável transição energética.

Dito isto, a Hyundai continua a fazer uma forte aposta na sua frota automóvel, com modelos para todos os gostos, especialmente quando o tema é a eletrificação, onde temos de incluir este novo Hyundai i30 N Line CRDi 48V, um Mild-hybrid a gasóleo!

Curiosamente, tal e qual o seu irmão Kauai CRDi 48V, o i30 CRDi 48V é uma das poucas ofertas híbridas a gasóleo que existe no mercado Europeu!

Dito tudo isto, se não quiser ler a review toda, na minha opinião geral, temos aqui o que é para mim um dos melhores carros da Hyundai. Ao conseguir oferecer um equilibro muito interessante entre conforto e performance. Aliás, no segundo campo, fui mesmo agradavelmente surpreendido.

Em suma, a verdade é que temos aqui uma condução dinâmica simplesmente brutal para a sua gama. Todavia, apesar de serem pormenores ínfimos, existe sempre espaço para melhorar. Vamos por partes?

(Ensaio) Hyundai i30 CRDi 48V: M-Hybrid a gasóleo que faz todo o sentido!

Design

Ora bem, quando olhamos para o novo Hyundai i30 N Line, vamos facilmente aperceber-nos do seu design desportivo. Aliás, a opinião generalizada, é que esta nova geração do modelo está muito bem conseguida, deste a sua frente até à sua traseira e ao interior. Com linhas aparentemente simples, mas ao mesmo tempo, bem implementadas para chamar a atenção de quem passa por perto.

Dito isto, existem muitos pormenores que o destacam da concorrência. Desde os seus faróis Full LED característicos na sua frente, ao para-choques traseiro com um difusor saliente e uma saída de escape dupla.

Ou seja, a ideia aqui é oferecer um olhar dinâmico ao modelo, sem colocar em causa as capacidades de um carro familiar, espaçoso e pratico numa utilização diária.

Do exterior ao interior

Temos aqui o mesmo interior que encontramos no teste ao i30 N Line Fastback, pode ler a nossa análise, clique aqui. Ou seja, temos a chegada de novos bancos que misturam um design desportivo com o sempre necessário conforto. Temos de salientar o suporte lombar dos bancos, sempre incrível para o apoio lateral. Ou seja, se puxar por este menino nas curvas, vai manter-se sempre muito estável, e em controlo.

Quanto a mais detalhes, temos a boa utilização de materiais moles, com um apoio de braço confortável e ainda um bom espaço de arrumação interior. Além disto, temos o característico ecrã de 10.25 polegadas para o sistema de entretenimento, com uma excelente qualidade de imagem.

Curiosamente, já testamos também o Hyundai i30 N e o i30 Fastback N line 1.0. Conheça o nosso ensaio a estes modelos, clique:

Vamos agora à performance!

Será que um M-Hybrid a gasóleo faz algum sentido?

Na minha opinião, claro que sim!

Ao fim ao cabo, no carro testado temos equipado um motor turbo de 1.6L capaz de 136 cv de potência e 320 nm de torque. Isto, nesta versão, com a caixa automática DCT de 7 velocidades e dupla embraiagem.

Assim, o resultado desta combinação, metendo ainda o pequeno motor elétrico dentro do mesmo pacote para vários tipos de ajuda, resulta numa oferta automóvel realmente muito interessante.

Dito isto, em termos de consumo, sem qualquer esforço em ser ‘poupado’ da minha parte, os consumos do Hyundai i30 Hatchback rondam nos 5-6L por cada 100 km. Aliás, temos de ser sinceros, estes consumos foram feitos em ambiente de análise, ou seja, nem sempre fui simpático com o acelerador.

Entretanto, nesta variante, ao contrário do motor 1.0 turbo a gasolina, temos de volta os modos ECO, Normal e Sport. Cada modo de condução oferece outro tipo de resposta na condução do carro.

Por fim, vamos ao sistema de Start/Stop, aqui tudo funciona de forma suave e o sistema inicia ainda nas desacelerações. Um pormenor importante aqui, é que o motor volta a reagir logo assim que carregar no pedal. Algo que não acontecia na variante com o motor 1.0 turbo a gasolina, e sinceramente me parecia contra-natura.

Quanto aos números!

Ora bem, apesar do seu tamanho, o motor turbo 1.6L de 136cv, consegue ser bastante despachado. Aliás, segundo a marca, esta motorização híbrida leve a gasóleo é capaz de impulsionar o i30 N Line dos 0-100 km/h em 10 segundos, até à velocidade máxima de 200 km/h.

Nas nossas mãos, o i30 foi capaz de efetuar a aceleração dos 0 aos 100 km/h a rondar os 9.2 segundos!

Experiência no dia-a-dia

Começando pela parte dinâmica, a verdade é que pode conduzir o carro desta forma mais desportiva com menos “peso na consciência”. Ao fim ao cabo, os consumos neste tipo de condução sobem, mas pouco, quando comparados às diferenças nos consumos das versões a gasolina.

Dito isto, a verdade é que temos aqui uma oferta de qualidade para o uso diário, em todos os aspetos. Desde o design, conforto, à dinâmica da motorização eletrificada, nunca esquecendo a caixa automática DCT de 7 velocidades.

Hyundai i30 CRDI

Conclusão – Hyundai i30 CRDi 48V

Em suma, o Hyundai i30 Hatchback CRDi 48V é um carro confortável, com uma condução leve e muitas vezes divertida em estrada. É capaz de fazer lembrar o seu irmão mais potente quando puxado ao limite. O que não é mesmo uma missão fácil, se por ventura conhece bem a versão ‘N’.

Além disto, até na qualidade de acabamentos, existe muita atenção da marca, com a boa escolha de materiais moles no interior e uma insonorização de qualidade.

Assim, esta oferta é sem sombra de dúvida capaz de rivalizar a concorrência de peso no mercado. Sendo sempre importante referir que aqui inclui os 7 anos de garantia sem limite de quilómetros. Conheça tudo ao pormenor sobre toda a gama do Hyundai i30, clique aqui.

Nota do Redator: Nas nossas reviews automóveis, queremos sempre passar o ‘feeling’ da condução, por isso, tentamos não debitar apenas especificações técnicas. Dito isto, se quiser ter acesso a todas as especificações do automóvel, clique aqui.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Silvio José
Sempre gostei de tecnologia, e em tenra idade já sonhava em construir a minha Dream Machine. Alcançado esse sonho agora o objetivo é aprender mais e mais. A minha paixão em todo o tipo de tecnologia faz-me estar sempre alerta a todas as novidades.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.