EMUI 10: Saiba o que vem está prestes a chegar ao seu Huawei!

Está um pouco desiludido com o EMUI 9.0 ou EMUI 9.1 do seu smartphone Huawei? Na minha opinião, a gigante Chinesa tem muito trabalhinho pela frente, para fazer frente ao novo OneUI da Samsung, que transformou completamente a experiência de utilização, dos smartphones Galaxy



E talvez, um pouco desse trabalho, dê já um ar de sua graça com o novo EMUI 10! É que o novo Sistema Operativo, tendo como base o Android Q, está mesmo prestes a chegar

Huawei EMUI

Atualmente, ainda não existe qualquer confirmação oficial, acerca do nome da próxima atualização da Huawei. Além disso, também ainda não sabemos ao certo quando é este Sistema Operativo irá começar a chegar aos topo de gama da marca.

O que sabemos, é que a Huawei tem sempre como base, a mais recente versão do Google Android, quando constrói um novo EMUI.

Ainda assim, vamos tentar perceber o que está a caminho das linhas P e Mate da Huawei!

EMUI 10: Data de Lançamento

Huawei p30

A Huawei anunciou o agora ‘velhinho’ EMUI 9.0 (Baseado no Android 9.0 Pie) na IFA 2018 em Berlim. Chegando oficialmente ao mercado, com os smartphones Huawei Mate 20, em Outubro do mesmo ano.

Para que tenha noção, a Google lançou a versão final do Android 9.0 “Pie”, no dia 6 de Agosto, ou seja, um mês antes do anúncio do EMUI 9.0.

Assim, quando é que iremos ver o EMUI 10 pela primeira vez?

É bem provável que a história se repita, e a Huawei decida lançar o novo EMUI 10 em Setembro de 2019. Até porque, o novo Android deve ser oficialmente lançado em Agosto deste ano, tal e qual como no ano passado.

EMUI 10: Funcionalidades

A Google já confirmou, de forma oficial, várias novas funcionalidades do Android Q. Contudo, não é ainda claro, se irão estar todas disponíveis com a primeira versão finalizada, ou se algumas das novas funções, irão chegar noutras atualizações.

EMUI 10

Dentro deste pacote, podemos incluir:

  • Deep Press

A próxima atualização do Sistema Operativo Android, irá incluir suporte aquilo que estamos habituados a chamar de ‘3D Touch’. Porque no fundo, é a exata mesma funcionalidade que a Apple implementou no iPhone 6s.

Assim, a ideia aqui, é ao pressionar com mais força o ecrã do seu smartphone, irá ser receber opções no menu, que anteriormente estavam escondidas.

  • Privacidade

A Google também está a planear implementar um novo sistema de permissões de aplicações, para lhe dar mais controlo, sobre a quantidade de informação, que partilha com as aplicações.

Por exemplo, as aplicações necessitam agora de permissão explicita, para conseguir usar a sua localização. Além disso, pode definir a permissão, para que a aplicação apenas consiga aceder a certas informações, enquanto a está a usar.

  • Bubbles

A funcionalidade ‘Bubbles’, é uma novidade do Android Q. Que tem como objetivo, permitir aos utilizadores fazer multi-tasking em qualquer parte do seu aparelho.

No fundo, é apenas uma bolha que ficará sempre presente no ecrã, e que poderá ser expandida em qualquer altura, revelar informações ou funcionalidades de outras apps.

  • Suporte a smartphones dobráveis

Mate X

A Google, para aproveitar a nova vaga de smartphones dobráveis, decidiu tornar o novo sistema operativo, mais ‘amigo’ destes aparelhos. Tudo isto, de forma a aproveitar de forma conveniente, o novo ecrã de grandes dimensões, ao mesmo tempo que o ecrã ‘Normal’, continua a oferecer toda as funcionalidades que tão bem conhecemos.

  • Modo Desktop

A partir do Android Q, poderá ligar o seu smartphone a um qualquer monitor externo, para obter uma experiência de PC.

  • Definições Melhoradas

Com o Android Q, a telemóvel irá apresentar definições, se achar que serão necessárias. Por exemplo, se perder conexão Wi-Fi, irá imediatamente aparecer uma pequena janela, para que possa retomar a ligação, sem perder pitada do que está a fazer.

  • Ecrã ‘Always On’ melhorado

O ‘Always On Display’, irá receber algumas melhorias com o Android Q.

  • Standby Dual SIM

A Google já oferece suporte a cartões eSIM, nos seus smartphones Pixel. No entanto, era impossível utilizar esta funcionalidade, e ao mesmo tempo, ter um cartão SIM físico instalado.

Algo que irá mudar com o novo Android Q. (Contudo, apenas poderá usar um de cada vez)

Adicionalmente:

Por fim, a Google vai também impor vários limites, a aplicações que tentem aceder a fotos, vídeos, áudio e ficheiros descarregados da Internet. Similarmente, também irá existir uma maior controlo no processamento em segundo plano.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião, nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário