Cuidado: Repor dispositivo não é repor todas as definições!

Muitas pessoas ainda tendem a confundir a opção Repor Dispositivo com o Repor de todas as definições ou das definições de rede. Aliás aconteceu com um leitor que nos enviou um email e que acabou por perder tudo quando só queria repor algumas definições. A questão é que são coisas bem diferentes e como tal temos de ter algum cuidado. É que caso contrário podemos perder todos os dados do nosso smartphone e depois é sempre muito complicado recuperarmos o que lá tínhamos. Assim vamos explicar-lhe as diferenças mas sobretudo para que serve a opção Repor Dispositivo que está nos smartphones Android.

Cuidado: Repor dispositivo não é repor todas as definições!

Repor dispositivo é na prática voltarmos a colocar o smartphone como se tivesse saído de fábrica. Ou seja, tal como estava o equipamento antes de chegar às nossas mãos. Muitas pessoas recorrem a isto para resolver problemas e de facto algumas situações são realmente ultrapassadas. Isto também é algo a que deve recorrer se for vender ou dar um equipamento a alguém. Tudo para que ninguém deite a mão às suas informações.

Android: como descobrir se uma aplicação é falsa!, android localizar smartphone desligado

O repor o dispositivo é tal e qual como colocar o seu smartphone numa máquina do tempo. Após a conclusão do processo, o dispositivo estará exatamente como quando era novo. É claro que a reposição só se aplica ao software. Ele não pode consegue reverter quaisquer defeitos de hardware.

Mas como tudo funciona?

Quando adquirimos um novo dispositivo como um computador, tablet ou smartphone, ele vem pré-carregado com uma “camada base” de software. Nele está o sistema operativo, algumas aplicações e ficheiros, etc. Quando o começamos a utilizar é que vamos colocando as nossas coisas.

Android repor dispositivo

Escolher repor o dispositivo é voltar a essa camada base.

É possível recuperar os dados depois de repor o dispositivo?

Os sistemas operativos deixam bem claro que a reposição do dispositivo não pode ser desfeita. Mas e se perder algo de que não se lembrou?

Na verdade, a recuperação de dados após uma redefinição de fábrica é normalmente impossível. No entanto se tiver uma cópia de segurança a conversa é outra. Aí já será possível.

É perigoso repor o dispositivo muitas vezes?

É uma pergunta legítima se apagar e substituir dados repetidamente pode causar danos ao seu dispositivo. A boa notícia é que isso não é realmente algo com que tenha de se preocupar. Tecnicamente, não há limite para quantas vezes pode repor o seu smartphone Android.

Entretanto é verdade que uma redefinição de fábrica afeta a memória física do dispositivo. É onde os dados que estão a ser apagados e reescritos são armazenados. Esse ciclo repetido pode prejudicar a memória, mas seria necessário um número louco de reposições para além ter problemas.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados