Android: grande problema vai ser finalmente resolvido!

A Google quer acabar com um grande problema no mundo Android. Dito isto, este fabricante está a trabalhar numa nova função que vai permitir o arquivamento de apps. Neste momento ainda não se sabe quando é que esta novidade vai chegar. Ainda assim, sabemos que já está a ser desenvolvida.

Esta novidade é sem dúvida uma boa ideia. É que um dos grandes problemas dos smartphones Android são sem dúvida o espaço que fica rapidamente ocupado. Sobretudo por causa das apps. Ora havendo um sistema que as reduz a quase nada quando não precisamos delas, essa dor de cabeça pode ter acabado de ficar resolvida.

android, jornalistas spyware ativistas

Android: grande problema vai ser finalmente resolvido!

O sistema que permite arquivar aplicações é uma boa alternativa à desinstalação e ajuda os utilizadores a recuperarem cerca de 60% da capacidade de armazenamento ao remover partes das apps mas sem as eliminar completamente do smartphone. Entretanto uma app que esteja arquivada no dispositivo vai continuar a estar lá mas de modo adormecido. Entretanto pode ser facilmente reativada e levada para a última versão disponível, ao mesmo tempo que preserva os dados dos utilizadores.

A propósito disto os programadores já podem começar a desenvolver aplicações que suportem este sistema, mas eles não estarão funcionais até que a função de arquivamento chegue aos consumidores mais para o final do ano.

De facto e olhando para este sistema é muito positivo conseguirmos ter apps no nosso smartphone Android sem ocuparem muito espaço. Especialmente aquelas que nem utilizamos muitas vezes mas que não queremos estar a remover do smartphone.

Mas esta não é a única novidade que está presente no Android 13. De facto, há outra e bem interessante. Trata-se de um módulo que permite correr o Windows 11 no Android 13 com bastante rapidez. De facto, isto já é possível no Pixel 6 e 6 Pro.

Como mostrado pelo programador Android Kdrag0n no Twitter, é possível executar várias distribuições do Linux e até mesmo o Windows 11 completo num Pixel 6 a correr o Android 13. Entretanto o responsável por feito assinala que depois de alguns ajustes, o Windows 11 é perfeitamente utilizável no smartphone. De facto, até podemos jogar alguma coisa sem problemas.

A explicação técnica para estas conquistas é um pouco complexa.

Seja como for tudo diz respeito à virtualização. É algo que já é bastante comum no Windows e noutros sistemas operativos para computador. Nos smartphones não era tanto mas vai começar a tornar-se. Sobretudo porque existia muita fragmentação e a Google quer acabar com isso a partir do Android 13.

Para começar, a Google criou um novo framework de virtualização e introduziu o chamado pKVM (mecanismo de virtualização de kernel protegido), que lança as bases para o suporte de máquinas virtuais de forma standard.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.