(Análise) Polar Ignite 3: Um dos melhores subiu de nível!

(Análise) Polar Ignite 3: O mundo dos smartwatches é muito mais complexo do que aquilo que muitos pensam.

Afinal de contas, além do ecossistema Apple (Apple Watch), ecossistema Android (Wear OS), e dos muitos outros relógios de outras marcas, com sistemas operativos próprios, como é o caso da Xiaomi, Huawei, Oppo, MiBro, etc… Existem outras fabricantes menos interessadas na parte ‘smart’ da coisa! Que preferem meter grande parte do seu foco na performance deste tipo de aparelho, em treino, por mais árduo, ou leve, que este seja.

Estamos obviamente a falar de relógios da Garmin, e claro, da Polar. Hoje, temos a mais recente oferta topo de gama da Polar, que além de conforto, traz também uma melhoria em quase todas as suas vertentes, atirando-o para o topo da montanha da qualidade e performance, neste tipo de mercado mais especialista, e mais entusiasta.

(Análise) Polar Ignite 3: Um dos melhores subiu de nível!

O que é?

É simples, o Polar Ignite 3 é um relógio inteligente, focado no fitness, com um design extremamente compacto mas bonito. Tem um corpo de 43mm super fino, e um ecrã AMOLED de grandes dimensões, controlado por toque e um único botão lateral. Entre as especificações chave, temos Dual Band GNSS, que apenas podemos encontrar nos aparelhos mais premium do premium.

- Advertisement -

Curiosamente, este ecrã AMOLED é o primeiro para um relógio da Polar, uma “novidade” que há muito já era pedida pelos fãs da marca.

Na minha opinião, este é o tipo de relógio que qualquer entusiasta do desporto, ou da vida ativa, tem de ter no pulso. A nível pessoal, que dou mais peso à parte smart, preferia sempre ter um Apple Watch ou Galaxy Watch no meu pulso. Mas, para treino puro e duro, análise e monitorização desses mesmos treinos, do sono, dos sinais vitais, etc… Este Polar não está mesmo para brincadeiras.

Funcionalidades Chave

Como dissemos em cima, algumas das partes em que o Ignite 3 se separa de tudo o resto, está na monitorização do sono, visto que além de fazer uma análise detalhada, e honestamente muito acertada, a app Polar Flow é ainda capaz de lhe dizer como é que o dia lhe vai correr, tendo em conta os seus últimos 5 dias de descanso.

Na parte do treino também temos muitas coisinhas boas, com guia por voz durante treinos pré-definidos, feedback em tempo real, e todo o tipo de métricas à sua disposição para perceber como é que a coisa está a correr.

Na parte smart, apesar de falta de compatibilidade com apps fora do ecossistema Polar, é possível ter acesso a notificações vindas do smartphone, ou controlar a reprodução de música. (Não é possível responder a mensagens, ou fazer chamadas. Também não dá para fazer pagamentos contactless)

Design e Utilização

O design do relógio é extremamente simples, com um grande foco da Polar em fazer do Ignite 3 um produto extremamente leve e compacto, para que não o note a treinar, ou a descansar.

Por isso, temos uma face redonda, de 43mm, e um único botão físico no lado esquerdo. Isto significa que a navegação é quase totalmente feita por toque. No entanto, relativamente ao antigo Vantage, temos aqui uma interface bastante mais bem pensada, e por isso, intuitiva.

Chegar aos menus não demora mais que um único toque, e começar um treino não mais que dois ou três toques.

Tudo muito fluido, especialmente desde que a Polar começou a lançar atualizações de forma consistente, de forma a aproveitar a totalidade do CPU de 192Mhz e 5MB de memória RAM.

Desporto e Saúde!

O Polar Ignite suporte 150 perfis de desporto, mas apenas 20 estão disponíveis no relógio. Isto é a história de vida dos relógios da Polar. A magia não está no relógio em si, mas na app Polar Flow que terá de instalar no seu smartphone. Esta app é capaz de pegar em todos os dados que recebe do relógio, e organizá-los de forma simplesmente incrível.

É muito provavelmente a melhor app no mundo do desporto através de um relógio inteligente. Aliás, nesta nova versão, até vai receber sugestões de treino, para força, cardio, ou então para complementar o que tem em falta… Como é o meu caso, elasticidade.

Sim, sendo um relógio de topo da Polar, temos suporte a outros produtos dentro do ecossistema, como são os sensores externos de monitorização cardíaca. Entretanto, na parte do GPS, também achei que foi bastante fiável, mas a opinião generalizada dos entusiastas é que apesar de um pouco melhor, nesta componente, a Polar ainda fica atrás do Garmin Fenix 7.

Autonomia

No meu uso, tenho tido mais ou menos 4 dias de utilização sem grandes problemas. Que uso é este? Notificações desligadas, e apenas utilização em treino de 90~120 minutos no ginásio, todos os dias.

Dito isto, se quiser utilizar o GPS, vai ter mais ou menos 30 horas de autonomia, uma métrica que desce para as 21 horas com GPS de dupla frequência.

Conclusão

O Ignite 3 da Polar é um relógio extremamente interessante para quem leva o treino muito a sério. No entanto, fica um pouco aquém daquilo que um relógio realmente interessante deve fazer na parte smart.

Não fazer chamadas, nem fazer pagamentos, é uma desvantagem considerável nos dias que correm. Mas, é absolutamente verdade que a Polar compensa tudo isto do outro lado, que vamos ser honestos, é o que mais interessa neste tipo de produto.

Ademais, o que pensa sobre este produto? Interessante? Vale o preço? (~300€) Partilhe connosco a sua opinião na caixa de comentários em baixo.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

O Polar Ignite 3 é um relógio incrível para a prática do desporto, mas que peca um pouco na parte smart ao não trazer suporte a chamadas via Bluetooth, nem a pagamentos contactless. Tiro meio estrela por cada uma destas especificidades. Dito isto, se quer o relógio pela sua qualidade na parte da vida ativa, é sem dúvida uma alternativa 5 estrelas.(Análise) Polar Ignite 3: Um dos melhores subiu de nível!