(1 de Abril) Radeon Gamma XT: Nem as RTX 3000 dão luta!?

(Atualização: Vá lá pessoal, PCIe 5.0 e memória GDDR7!? Era óbvio 😛 Espero que mesmo nestes dias complicados de quarentena, tenha conseguido enganar alguns!)

Acabou de chegar à Internet um mega ‘leak’ acerca da nova gama de placas gráficas AMD Radeon, especialmente da nova topo de gama que deverá ser a grande rival da RTX 2080 Ti! E quem sabe… De uma futura RTX 3080 Ti, ao fim ao cabo, nos slides já temos a performance esperada das novas NVIDIA Ampere.

Graças a este ‘leak’, já sabemos que o GPU de nova geração da AMD irá ser conhecido como Radeon RX Gamma XT… Dito isto, se por acaso acha o nome estranho… É que ‘Gamma Cassiopeiae’ é o nome real da estrela conhecida como Navi. Ou seja, estamos a falar do GPU topo de gama Big Navi, que a AMD anda a prometer e os consumidores andam a desejar há vários meses!



(AMD Radeon Gamma XT) A nova placa topo de gama chegou à internet!

Portanto, parece que a nova placa gráfica AMD Radeon RX Gamma XT irá contar com 26 TFLOPs de poder computacional, 1.5 TB/s de largura de banda, bem como 21.2 GigaRays de poder Ray Tracing.

Como é que sabemos isto? Tudo graças a um link direto de informação confidencial de uma das parcerias AiB (Add-In Board) da AMD!

Assim, os slides mostram as especificações da placa, bem como o design de referência que a AMD idealizou. Desta forma, parece que a solução de refrigeração conta com duas ventoinhas, sendo extremamente parecido ao design que já conhecemos das atuais Navi. Aliás, o design da placa é muito parecido a um render que andou a circular nas últimas semanas. (Em baixo)

AMD Radeon

Dito tudo isto, parece que a nova placa da AMD vai ser capaz de alcançar (e manter) a extraordinária frequência de 2.633MHz graças ao novo processo de 7nm EUV da TSMC. Algo que na verdade ninguém esperava, visto que inicialmente era esperado o uso do atual processo de 7nm utilizado nos Ryzen 3000 e Radeon RX 5000. Isto é uma grande novidade, e na verdade, uma verdadeira ameaça para a NVIDIA.

Muito resumidamente, a placa conta com 80 Unidades de Computação (CUs), 5120 Processadores Stream, o que por sua vez destrói os rumores de uma alegada mudança na relação entre SPs e CUs. Ainda assim, graças à frequência máximo referida em cima, esta placa vai ser capaz de chegar aos 26.6 TFLOPs de poder computacional (Single-Precision). Um aumento muito significativo em relação à última geração, que por sua vez mostra que a AMD já não anda a brincar às GPUs.

Cuidado NVIDIA! A AMD vai oferecer o dobro da performance Ray Tracing

Para ter noção no salto qualitativo, a AMD apostou forte e feio no Ray Tracing, oferecendo 21.2 GigaRays por segundo. Um número espectacular, tendo em conta que a RTX 2080 Ti apenas oferece 10 GigaRays por segundo. Além disto, parece que a AMD também tem uma tecnologia para rivalizar com a famosa DLSS da NVIDIA, com o nome de “ClearAI Upscalling”.

Entretanto, esta placa irá suportar DisplayPort 2.0, PCIe 5.0, com um TDP à volta dos 350W. Além disto, encontramos ainda um bus de 512-bit, para dar vida aos 32GB de memória GDDR7 (24 Gbps).

Curiosamente, este ‘leak’ também mostra a performance esperada pelas novas NVIDIA Ampere (RTX 3000)! Pelos vistos… A AMD pode mesmo vencer na próxima geração! (Como pode ver na imagem em cima)

Em suma, a AMD parece querer apostar tudo com a sua nova gama de placas gráficas, tentando alcançar os 4K 120Hz, o que parece louco nesta altura do campeonato. Aliás, ver já a performance esperada das novas NVIDIA Ampere (RTX 3000), nem sequer faz muito sentido… Mas isto são slides oficiais!


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

 

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário