Yamaha e Toyota inventaram motor a combustão que não polui!

Tal e qual como a Toyota afirma, a revolução que está neste momento a acontecer no mundo automóvel não tem de ser uma guerra contra os motores a combustão. Ou seja, não tem de existir uma rivalidade entre Gasolina, Gasóleo, Motores híbridos, motorizações elétricas, e claro, o hidrogénio.

O objetivo é fazer com que este mundo consiga encontrar uma ou mais soluções, de forma a tornar toda a indústria um pouco mais verde. Afinal de contas, transformar todo o parque automóvel para elétrico é uma missão… Quase impossível! Pelo menos para já.

É exatamente por isso que temos de olhar para os esforços da Toyota no grande panorama geral das coisas, e claro, olhar também para alguns esforços de fabricantes como a Yamaha, que por sua vez chegou agora com uma alternativa significativamente menos poluente face à gasolina.

Yamaha e Toyota inventaram motor a combustão que não polui!

Portanto, apesar dos muitos títulos exagerados que têm chegado à Internet com esta invenção, isto não é fim dos carros elétricos. Esta novidade é uma alternativa menos poluente face à Gasolina e ao Gasóleo, que pode vir a ajudar o mercado no seu todo a ficar mais verde, isto de forma significativamente mais rápida.

- Advertisement -

Especialmente porque esta alternativa não obriga cidades, vilas e até aldeias, a enfrentar uma transformação para se adaptarem aos automóveis baseados em baterias grandes e pesadas, com postos de carregamentos espalhados um pouco por todo o lado.

O que aconteceu?

Estamos a falar de um avanço tecnológico que surge da união da Yamaha com as principais marcas Japonesas (Honda, Suzuki, Kawasaki, etc…), todas elas com o objetivo comum de desenvolver motores movidos a hidrogénio para veículos de pequena mobilidade como é o caso dos motociclos. Porém, o resultado foi acima do esperado, apresentando agora uma alternativa para outro tipo de veículos motorizados, como é o exemplo do automóvel.

Sendo exatamente por isso que a Toyota também colabora neste projeto, para dotar os seus veículos de quatro rodas com os resultados desta pesquisa.

Qual foi o resultado?

Pois bem, a Yamaha decidiu manter a utilização de um motor a Combustão V8 baseado na mecânica 2UR da Toyota (442cv e 6800 rpm), desta vez alimentando-o com hidrogénio.

Curiosamente, os coletores de escape têm o mesmo comprimento para os dutos. O que por sua vez significa que a água expelida percorre a mesma distância de cada uma dos cilindros, isto com a mesma velocidade.

Ou seja, o novo motor V8 apenas expele vapor de água pelos dutos de exaustão, respeitando assim o meio ambiente.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.