Xiaomi Mi Max 3 Pro pode mesmo ser realidade. Saiba porquê!


Por em

Na semana passada, a Xiaomi oficializou o tão esperado smartphone Mi Max 3 que vem equipado com um processador Snapdragon 636. Entretanto e antes do lançamento, especulava-se acerca de uma versão mais avançada denominada Xiaomi Mi Max 3 Pro e que viria com um processador Snapdragon 710. Hoje, uma captura de ecrã que apareceu no Weibo revela que o Xiaomi Mi Max 3 Pro, o Xiaomi Mi 8 SE e o Vivo NEX serão alimentados pelo Snapdragon 710. Isto significa que a versão Pro pode ser mesmo uma realidade.

Segundo informações anteriores, o Mi Max 3 Pro vem com um chipset Snapdragon 710, 6 GB de RAM e 128 GB de capacidade de armazenamento. Isto não é muito diferente do Mi Max 3 cujas capacidades variam entre os 4 ou 6 GB de RAM e 64 ou 128 GB de capacidade de armazenamento.

Entretanto a pontuação do AnTuTu do último Xiaomi Mi Max 3 já foi partilhada na Internet. A aplicação de benchmark mostra que este modelo da Xiaomi obteve uma pontuação de 118.741 pontos, o que não é muito diferente da média da pontuação atribuída pelo AnTuTu aos modelos Snapdragon 660 (cerca de 130.000 pontos). Note-se que esta pontuação é ligeiramente superior à acumulada por outros modelos Snapdragon 636 como o Redmi Note 5que atingiu uma pontuação de 115.247 pontos e o Meizu E3 com uma pontuação de 112.478 pontos.

Olhando de forma mais específica para a pontuação, o processador do Mi Max 3 atingiu 55.879 pontos, enquanto a pontuação da placa gráfica foi de 21.313. Já o resultado UX é 32.744 e, finalmente, o da memória traduz-se em 8805 pontos. Deste modo, para além de eum ecrã de grandes dimensões, o Max 3 também possui um processador que pode dar resposta às necessidades da maioria dos utilizadores.

Lembramos que o Xiaomi Mi Max 3 com as dimensões de 176,2 x 87,4 x 8 mm é um pouco maior e mais fino que o Mi Max 2 que tem dimensões de 174,1 x 88,7 x 7,6 mm. A dimensão é semelhante a um smartphone tradicional de 6,3 polegadas.

O Xiaomi Mi Max 3 possui um enorme ecrã de 6,9 polegadas que disponibiliza uma proporção de 18: 9, juntamente com uma resolução FHD + de 2160 x 1080 pixéis. Segundo a Xiaomi, o Mi Max 3 tem uma proporção ecrã-corpo de 85,19%.

O Mi Max 3 tem uma bateria de 5.500mAh, o que significa que possui 200mAh mais energia do que o modelo anterior. A bateria gigantesca torna possível utilizar o smartphone durante dois dias com uma única carga. Destaca-se ainda um mês em stand-by.

Este dispositivo possui câmara dupla de 12 megapixeis + 5 assistida por inteligência artificial . Graças a ela lidam melhor com condições de luz reduzida e conseguem detetar 206 tipos diferentes de cenas. Destaca-se ainda o reconhecimento de objetos e modo de retrato. Eis alguns exemplos:

A parte frontal do smartphone está equipada com uma câmara para selfies de 8 megapixeis, juntamente com um flash LED dedicado. Utilizando a inteligência artificial a câmara para selfies consegue criar o efeito bokeh.

O novo Mi Max 3 vem equipado com alti-falantes duplos para uma saída de som estéreo quando vê filmes ou joga. Destaca-se ainda o Android 8.1 Oreo e a mais recente versão do MIUI, que inclui assistente de voz.

Para além do sensor de impressões digitais montado na parte traseira, o Mi Max 3 também oferece suporte para desbloqueio facial através da câmara frontal. Outras características dão conta de um slot microSD, 4G VoLTE, suporte para dual-SIM, Wi-Fi 802.11ac, Bluetooth 5.0, GPS, USB-C e saída de áudio de 3,5 mm.

fonte

Leia também

Ou veja mais notícias de Android

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Etiquetas
Anterior

Smartphones que ainda vale a pena comprar: Huawei P10 Plus (474 Euros)

Xiaomi Mi Pad 4 versão LTE: Disponível a partir de amanhã

Seguinte