Ligue-se a nós

Android

Xiaomi bate Apple, Huawei e Samsung nos wearables

Bruno Fonseca

Publicado a

Os dados mais recentes divulgados pela IDC indicam que os envios globais de wearables atingiram os 32 milhões de unidades no terceiro trimestre de 2018.

Na prática isto é um aumento de 21,7% em relação ao ano anterior.

Os dados revelam que o aumento astronómico nos envios em relação ao mesmo período do ano anterior deve-se a um aumento de wearables que foram lançados durante o trimestre.

Assim e mais concretamente, novos produtos de empresas como a Fitbit, Garmin e Huawei ajudaram ao crescimento da categoria de wearables. 

Os wearables estão a crescer a um grande ritmo

Os dados também revelam que a procura crescente em mercados como a Ásia-Pacífico (excluindo o Japão) foi outro fator determinante e isso representou mais de metade de todos os envios para distribuição. O crescimento nesses mercados foi 21,4% maior do que no ano anterior, segundo a IDC.

No terceiro trimestre, a Xiaomi conquistou a primeira posição, graças ao sucesso da Mi Band 3 e à sua significativa expansão para além do seu país de origem, a China.

Embora a China, em geral, seja responsável por mais de 80% do volume de remessas da Xiaomi, neste trimestre caiu para 61%, à medida que a empresa conseguiu aumentar a sua presença em outros mercados, como Índia, Europa, Médio Oriente e África.

A Apple surge em segundo lugar

Logo a seguir surge a Apple que conseguiu lançar a nova gama dos Apple Watch, o primeiro “relógio” aprovado para utilização médica, no final do trimestre.

Apple watchOS 4

O novo design e dimensão, juntamente com a versão mais recente do Watch OS, foram bem-vindos, embora a última série tenha representado menos de 20% de todos os envios para distribuição.

Importa salientar que o preço reduzido da Série 3 foi responsável pela maioria das remessas da Apple durante o trimestre.

Fitbit voltou a subir no mercado

No terceiro lugar surge a Fitbit. Os dispositivos mais recentes, incluindo o Versa, o Charge 3 e o Ace, ajudaram a empresa a desacelerar a sua queda em relação aos trimestres anteriores.

O sucesso do Versa levou a empresa a voltar a uma boa posição no mercado de fornecedores de smartwatches. A IDC espera que isto se mantenha a curto prazo. Ou seja, boas notícias para este fabricante.

Huawei ocupa agora a quarta posição seguida de perto pela Samsung

Outro facto importante é que a Huawei ultrapassou a Samsung para manter a quarta posição mundial. No entanto, a maioria dos dispositivos portáteis da empresa foi vendida na China.

Por outro lado, a sub-marca Honor apresentou um novo conjunto de auscultadores que acompanham a frequência cardíaca durante os treinos.

O quinto lugar é ocupado pela Samsung, que ultrapassou outros concorrentes. O arsenal de produtos da Samsung depende das pulseiras Gear S3 e Fear Fit para impulsionar os volumes de vendas.

Entretanto, esta empresa também lançou o seu smartwatch de última geração, o Galaxy Watch. Assim, esta foi a primeira vez que um dispositivo wearable deste fabricante se distanciou do tradicional nome “Gear”… Para a sub-marca “Galaxy”.

O que acham desta classificação? Será que o mercado de wearables vai continuar a crescer? Só o tempo o dirá.

Outras notícias de hoje:

Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

PUB Banner ESET

Últimas Notícias

Fora da Caixa12 mins atrás

É o fim para as brincadeiras e desafios virais no YouTube

Existem brincadeiras e desafios que vão longe demais. O desafio da canela é um desses exemplos. É má ideia e...

Jogos1 hora atrás

Analista afirma que a PS5 e Xbox Scarlet vão ser anunciadas na E3 2020

Agora que as atuais PlayStation 4 e Xbox One estão prestes a chegar ao fim do seu ciclo de vida,...

Android2 horas atrás

Snapdragon 855 vai ser 74% mais rápido que o seu antecessor!?

Já chegámos ao ano de 2019, e assim, já estamos de braços abertos, à espera da grande vaga de smartphones...

Hardware3 horas atrás

GTX 1660 Ti deverá ser significativamente mais lenta que a RTX 2060

O nome ainda não está 100% confirmado, no entanto, o site VideoCardz ficou a saber por um parceiro da NVIDIA,...

Hardware4 horas atrás

Parece que a AMD só tem um stock de 5000 unidades da Radeon VII

Na semana passada, a AMD lançou a sua nova placa gráfica ‘Topo-de-Gama‘, a Radeon VII, na CES 2019! Uma placa...

Android5 horas atrás

O verdadeiro HD chegou ao Huawei P20 Pro e Mate 20 Pro

Acabou de chegar à Internet uma boa notícia para quem tem um Huawei P20 Pro ou o Mate 20 Pro...

Android6 horas atrás

Motorola RAZR vai voltar na forma de um smartphone dobrável

Parece que o lendário Motorola RAZR está prestes a voltar, com uma cara completamente renovada, tecnologias inovadores e claro… Um...

Jogos7 horas atrás

Novidades do Remake de Final Fantasy VII chegaram à Internet!

Final Fantasy VII é provavelmente um dos jogos mais marcantes de sempre, pelo menos da geração dos anos 90, visto...