Voz de Stephen Hawking vai ser enviada para um buraco negro!

Em 2018 tivemos uma enorme perda no mundo científico, Stephen Hawking faleceu aos 76 anos de idade. Pois bem, o físico passou a maioria da sua vida a investigar buracos negros, por isso como tributo, foi decidido que a sua voz será enviada através do espaço para o buraco negro mais próximo!

Portanto, hoje depois das cinzas de Hawking terem sido enterradas entre Charles Darwin e Sir Isaac Newton, em Westminster Abbey, a sua “mensagem de paz e esperança” será enviada para as estrelas!

O seu discurso vai ser posto no meio de uma música de Vangelis, compositor responsável pelos populares temas ‘Chariots of Fire’ e ‘Blade Runner’.

A Agência Espacial Europeia vai enviar esta peça a partir de uma antena parabólica em Cebreros, em Espanha. Para o buraco negro ‘1A 0620-00’, que está a 3500 anos luz do nosso planeta.

Stephen Hawking

O que Stephen Hawking disse no seu discurso não é claro, mas a sua filha ‘Lucy’ disse à BBC que:

“É uma mensagem de paz e esperança, acerca da união e necessidade de todos nós vivermos em harmonia neste planeta.”

Quem presenciou o evento de hoje, pôde ouvir a música, e vai ainda receber um CD que inclui a faixa. Que será posteriormente lançada para o público em geral.

Além da sua família e amigos 1000 membros do público que se candidataram a vagas participaram no serviço fúnebre de hoje. É preciso ter em conta que mais de 25000 pessoas tentaram garantir presença!

Entre os notáveis deste serviço encontramos o actor Benedict Cumberbatch. Que interpretou a personagem Stephen Hawking para um projecto da BBC e ainda o astronauta Tim Peake.

Se quiser ouvir o tema em questão dos Vangelis, clique no link em baixo.

Que acha de tudo isto? Um excelente tributo a um enorme cientista? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário