Validação de dois passos pode impedir que localize o telemóvel!

É verdade que a validação em dois passos é muito importante para manter a sua conta Google segura. No entanto a verdade é que pode criar um grande problema. De facto, pode ser responsável por não voltar a conseguir recuperar o seu smartphone, em caso de perda ou roubo. Ou seja, a validação de dois passos pode impedir que localize o telemóvel!

Validação de dois passos pode impedir que localize o telemóvel!

Imagine que a pessoa com quem vive ou um amigo não sabe onde colocou o telemóvel. Pode tê-lo deixado em casa, no café, ou estar caído em algum lugar. Para esse efeito pede-lhe ajuda para localizar o seu telemóvel. A questão é que mesmo que lhe ceda os dados da conta Google ou tente entrar na conta no seu computador para aceder à plataforma localizar o dispositivo nada disso vai ajudar. Tudo porque para esse efeito vai precisar do telemóvel perdido para configurar a conta.

Abaixo estão as opções que aparecem. Para se conseguir aceder é necessário tocar em sim no telemóvel ou tablet, obter um código de confirmação nesse número de telemóvel, e outros métodos que requerem sempre o smartphone perdido. Eventualmente é possível obter ajuda mas isso pode demorar entre 3 a 5 dias pelo que não é prático para quem anda a procura do smartphone perdido ou roubado.

Google: validação em dois passos

Claro que se a pessoa tiver outro equipamento com a sua conta Google associada, como um segundo smartphone ou tablet tudo fica mais simples. Isto porque pode confirmar o acesso nesse dispositivo. No entanto, a maioria das pessoas têm apenas um equipamento. Nessa altura ficam de braços atados.

Isto é razão para não se ativar o sistema de segurança da Google?

Claro que não. Deve-se sempre ativar a validação de dois passos. Isto porque estamos a proteger-nos de uma possível entrada em tudo o que temos na nossa conta Google. Falo do Gmail, do Google Fotos, do Google Drive entre outras coisas.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados