(Especial) Sabe o que vai mudar nos smartphones em 2020?

O mundo dos smartphones está em constante evolução, isto é inegável. Contudo, também podemos dizer que o ritmo de evolução e inovação dos últimos anos tem ficado um pouco aquém do que seria de esperar quando estamos prestes a chegar ao ano de 2020.

Mas é preciso ter calma… É que se tudo correr como planeado, os smartphones de 2020 vão ser bastante interessantes!



(Especial) Sabe o que vai mudar nos smartphones em 2020?

1. Câmeras frontais invisíveis (debaixo do ecrã)

Xiaomi Mi 9T Pro

Hoje em dia, já temos uma grande série de sensores escondidos debaixo do cada vez mais popular ecrã OLED. No entanto, a câmera frontal continua a dar origem a muitos problemas a nível de hardware e design de novos aparelhos.

Afinal, em 2019 vimos dezenas de soluções para este problema, desde a afamada ‘Notch’, ao ‘orifício’ popularizado pela Samsung, até às câmeras ‘pop-up’ e ‘slide’… Mas também alguns esforços de várias empresas como a Xiaomi, Oppo e Samsung de acabar com estes ‘pensos rápidos’ para chegar à derradeira solução. Aliás, algumas fabricantes até já têm protótipos com a tecnologia implementada.

Caso não saiba, ao ficar invisível, a câmera frontal poderá ser implementada em qualquer sítio do ecrã… Por isso, além de ser muito mais bonito a nível de design, vamos também dizer adeus aos tempos em que estávamos a tirar uma selfie a olha para a nossa cara em vez de para a câmera!

2. Sensores de impressão digital muito maiores

Galaxy S10 impressão digital

O sensor de impressão digital debaixo do ecrã foi algo realmente inovador quando chegou ao mercado!

Contudo, como deve imaginar, ao ficar escondido debaixo do ecrã, e não existindo uma delimitação física para o encontrar como no passado… Muitos utilizadores acabam por ter de tentar a autenticação 2 ou 3 vezes, por simplesmente falharem o sítio onde o sensor se encontra.

Algo que felizmente irá ser resolvido em 2020, com sensores de grandes dimensões que até poderão permitir a autenticação com 2 dedos ao mesmo tempo.

3. Baterias ‘Solid State’

bateria

As baterias são o grande calcanhar de Aquiles de qualquer aparelho eletrónico atual! Mas calma, que existem novas tecnologias a caminho do mercado que poderão revolucionar o mercado dos smartphones, mas também dos veículos elétricos.

Afinal de contas, as novas baterias irão ter um ciclo de vida bastante mais longo, chegando aos 10 anos de utilização em vez dos 2/3 anos atuais. Além disso, não vão aquecer nem perto nem de longe como as células atuais. Por isso, vai ser possível diminuir significativamente o tempo de carga rápida. (Algo brutal para os smartphones e automóveis elétricos).

Tudo graças à eliminação de vários processos químicos dentro da bateria, que não só podem ser perigosos (ver o caso do Note 7), como também criam um desgaste rápido do componente.

Conclusão

Além de tudo isto, ainda vamos ter novos designs, novos materiais, novas experiências de software, bem como grandes inovações nos sistemas fotográficos! Em suma, se esteve muito tempo à espera pela altura certa para trocar de smartphones, parece que 2020 é o seu ano.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário