E se uma simples memória USB pudesse mudar de forma radical a qualidade do som do seu PC ou Mac? E se o fizesse com um preço muito abaixo de outros dispositivos para conversão de áudio (DACs), permitindo levar esta qualidade sonora em viagem – usando um normal notebook e um par de auscultadores – ou mesmo em casa, ligando o computador a um sistema Hi-Fi de elevada qualidade?

Eis o novo DragonFly, um conversor digital-analógico em forma de memória USB, desenvolvido pelo fabricante de cabos e acessórios áudio AudioQuest, com o objetivo de proporcionar a melhor qualidade sonora possível a partir de um computador, seja dentro de casa, no escritório, ou quando o utilizador está em trânsito.

Já disponível em Portugal através da Esotérico, distribuidora exclusiva da AudioQuest, o DragonFly é o mais recente representante de uma nova geração de produtos de áudio digital de qualidade audiófila, com capacidade para transformar os ficheiros de música reproduzidos num computador para padrões muito acima do convencional.

8877369699_2660be3965_b

Som direto… no estado mais puro Quando ligado a um PC ou Mac, o DragonFly vai ignorar a placa de som interna do computador e receber diretamente a informação do ficheiro de música que está em reprodução. Pode ser a partir de um CD de áudio, ou de qualquer ficheiro de música (MP3, WMA, AAC, entre outros) com qualidade até 24-bit de resolução e 96kHz de amostragem – muito superior ao de um CD convencional.

O utilizador pode depois ligar diretamente ao DragonFly um par de auscultadores (de formato full-size ou do tipo in-ear), optando, em alternativa, por usar este DAC USB para ligar diretamente a um par de colunas amplificadas e a um amplificador de sinal. Nestes casos, está disponível um modo de saída de sinal variável e um controlo de volume com 64 posições, para que se possa ajustar o som ao tipo de dispositivo que o recebe.
O DragonFly possui também um modo fixo de saída de sinal, permitindo aos utilizadores mais exigentes usá-lo como um DAC convencional e, deste modo, ligar o PC ou Mac a um pré-amplificador ou Recetor A/V.

Qualquer que seja o sistema para onde pretender reproduzir a sua música, tudo o que necessita é de um cabo com uma ficha normal de 3,5mm (mini-jack) numa das pontas e um par de fichas RCA estéreo na outra.

O principal “segredo” do DragonFly está na utilização do processo de transferência assíncrona de áudio por USB, bem como no algoritmo usado para converter os sinais de áudio, optimizado para a qualidade nativa do ficheiros em reprodução – o utilizador pode mesmo confirmar a resolução do ficheiro que está a reproduzir, graças a indicadores LED colocados.

Preço recomendado: €249

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.