(Mini-Review) TD Systems 58″ K58DLJ10US SmartTV 4K

O mercado de televisões está cada vez mais cheio de soluções preparadas para o mundo da alta resolução 4K, com boas dimensões, e claro… Preços apelativos! Dito isto, depois da Xiaomi ter feito um sucesso estrondoso com as suas SmartTVs 4K de 55”, temos agora a possibilidade de testar a grande aposta da TD Systems, uma marca espanhola capaz de lançar no mercado um modelo de 58” a um preço ainda mais baixo (366€).

Mas será que vale a pena meter o dinheiro em cima da mesa para apostar na TD Systems? Vamos tentar perceber com as minhas primeiras impressões.



(Mini-Review) TD Systems 58″ K58DLJ10US SmartTV 4K (366€ Com o cupão ‘GDLEAK20’)

Como deve saber, por vezes, o barato sai caro. Por isso, além de olhar ao preço e especificações no papel, temos de olhar para a experiência da TV no dia a dia. Vamos a isso?

Especificações técnicas:

  • TV LED de 58” com uma resolução de 3840 x 2160 pixels (Ultra HD 4K), com suporte a HDR10
  • Processador ARM com 4 núcleos a 1,1 Ghz
  • Dolby Digital Plus Sound
  • Eficiência energética A
  • Smart TV com sistema operativo Android 9.0 (AOSP)
  • Sintonizador digital DVB-T2/C/S2 de segunda geração com HBBTV

4K com suporte a HDR 10 numa TV de 369,90€?

  • O painel de alta resolução Ultra HD 4K de 3840 x 2160 pixels, tem o objetivo de oferecer conteúdo de alta qualidade através das portas HDMI 2.0. Além disto, temos ainda acesso ao HDR10 que aumenta o ritmo dinâmico da cor, oferecendo uma imagem mais viva, colorida e realista.

Conectividade WiFi e Ethernet

  • A tecnologia Smart TV, permite conectar o televisor à Internet, através de Ethernet ou Wi-Fi, para aceder a uma grande variedade de funções graciosas no sistema operativo Android TV 9.

HbbTV 2.0.1

  • O novo sistema de televisão híbrida HbbTV 2.0.1, permite através da conexão à Internet, recuperar programas de televisão, ou usar aplicativos interativos, entre outras funções.

Funcionalidades

Como SmartTV baseada no sistema operativo Android, esta TV TD Systems é realmente muito interessante. Afinal de contas, temos um sistema preparado para muita coisinha boa, seja através da instalação de aplicações na própria App Store da TV, ou até APKs que queira instalar através de uma pen. Em suma, temos acesso à Internet tanto com fios como sem cabos, assim, temos acesso às apps mais populares do mercado como o YouTube, Netflix, Facebook, etc… 

No entanto, com o comando que vem com a TV, é bem provável que vá ter algumas dificuldades de navegação. Por exemplo, no Netflix, o comando apenas consegue descer a lista de conteúdo, não consigo escolher absolutamente nada, o que é estranho para uma SmartTV. Mas… É perfeitamente possível (e super fácil) de usar um rato sem fios para navegar em todo e qualquer menu ou aplicação instalada na TV. 

Modo de PC (do smartphone)

Por falar do uso do rato, a TV tem suporte completo ao modo de PC de alguns smartphones topo de gama do mercado, como é o caso do meu Huawei Mate 30 Pro, em que consigo transformar a Televisão num autêntico PC sem ter que ligar um único fio. É um extra bastante porreiro tendo em conta o preço da TV! Além disto, é possível passar conteúdos para a TV através do seu smartphone ou PC sem grandes dificuldades.

Em suma, a TV tem um leque de funcionalidades muito porreiro, mas como vou explicar mais em baixo, não espere que tudo seja super rápido e fluido. As coisas vão funcionar, mas ao seu próprio ritmo.

Desempenho e Menus

Tudo o que a marca promete é uma realidade, a TV está completamente apetrechada de funcionalidades. Contudo, o processador ARM de 4 núcleos é demasiado lento para oferecer uma experiência ao nível das rivais como a Xiaomi TV 4S que também já tivemos a oportunidade de experimentar há alguns meses atrás.

Ainda assim, não pense que é uma experiência terrível! A navegação nos menus é lenta sim, mas as funcionalidades estão todas lá. Por isso, por este preço? Não acho sinceramente que seja um deal-breaker se por acaso quiser uma TV de grandes dimensões para o quarto, ou para ligar a consola dos miúdos. Entretanto, como TV Principal, já poderá ser um bocadinho mais chato.

Entretanto, o trabalho de tradução dos menus poderia ser melhor. Não é impossível perceber o que se está a passar no ecrã, mas por vezes temos ali um ‘Portunhol’ de alta qualidade. Está a ver o JJ a falar Espanhol? É mais ou menos isso.

Ecrã

O ecrã de grandes dimensões apresenta uma boa qualidade de imagem e brilho. Na minha opinião, uma qualidade muito similar às TVs 4K LED da Xiaomi. Um autêntico ‘steal’ para o preço pedido pela marca.

Falarei mais sobre este assunto na análise detalhada.

Design

Neste campo, temos uma TV igual a tantas outras televisões LED do mercado, as margens são mínimas, e o ecrã é gigantesco. Aliás, o ecrã é tão grande que a TV acabou por não caber no móvel do meu quarto. Por isso, tive de ir buscar um bocado de madeira ao sofá da sala de jantar, para fazer ali um setup digno de quem não quer saber da decoração de uma casa. (True Story!)

Quanto à qualidade de construção, como é óbvio, é quase tudo plástico. Mas aqui temos de ter noção do preço da TV, se queremos algo premium, não podemos estar à espera de pagar 369,99€.

Conclusão

Em suma, as minhas primeiras impressões da TV são boas, é uma solução muito interessante como televisão secundária, ao apresentar um leque de funcionalidades brutal, e uma qualidade de imagem bastante satisfatória. Mas como TV principal é difícil de recomendar devido à lentidão dos menus.


Se por ventura estiver interessado, pode comprar a TV com um pequeno desconto graças ao desconto que temos com a Globaldata (GDLEAK20). Entretanto, pode também participar no giveaway que estamos a fazer com a loja, aqui:

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário