Snapdragon 8150 arrasa todos os processadores no AnTuTu

Já falámos algumas vezes na Leak acerca do novo chipset da Qualcomm. As primeiras informações abordavam o nome e o facto de ele se ir chamar Snapdragon 8150 ao invés de Snapdragon 855. Agora, ainda antes de ele ser oficial, eis que os resultados dos testes de desempenho chegaram à Internet. A plataforma de benchmarking eleita para este efeito foi o AnTuTu.

Snapdragon 8150: Um recorde assinalável no AnTuTu

Assim neste sistema de testes, o novo chipset conseguiu atingir os 362,292 pontos. Isto parece algo comum, especialmente para quem não está tão habituado aos valores. No entanto não é assim. É que este resultado fez com este chipset fosse o primeiro processador Android a ultrapassar a marca dos 360,000 pontos. Mas o que significa isto, especialmente comparando com a concorrência?

8150

A comparação com a concorrência

Para dar alguma luz sobre o assunto nada melhor que as comparações. Ora o Huawei Mate 20 que utiliza o chipset Kirin 980 atingiu uma pontuação de 311,480 pontos. Lembramos que até à data a pontuação mais alta para um processador Snapdragon foram 301,757 pontos. O dispositivo onde este recorde foi obtido é um Black Shark Helo da Xiaomi.

Olhando para os resultados, parece que o Snapdragon 8150 garante, pelo menos, 16% mais desempenho comparativamente ao Kirin 980. Quanto ao antecessor é 20% mais rápido. Entretanto o resultado do novo processador pode vir a ser ainda mais alto, depois de terem sido efetuadas todas as otimizações pelos fabricantes.

O Geekbench também tem uma palavra a dizer

O grande concorrente do AnTuTu, se assim lhe quisermos chamar é o Geekbench. À semelhança da primeira plataforma, também esta realiza diversos testes de desempenho. Ora no Geekbench, em particular, o novo chipset conquistou 3,281 pontos nos testes de núcleo único e 11,023 nos multi-núcleo. Estes resultados são mais altos que os obtidos pelo Snapdragon 845 que atingiu 2,500 pontos no teste single core e 8,900 no multi-core.

8150

O processo de fabrico

O novo SoC topo de gama da Qualcomm irá ser produzido com o processo de fabrico de 7nm FinFET da TSMC, que irá resultar num aumento significativo de performance, e de eficiência energética.

Além disto, parece que a Qualcomm tirou uma página do livro da Huawei e do seu Kirin 980, ao implementar três ‘Clusters’ de CPUs, de modo a conseguir oferecer performance de topo, ao mesmo tempo que aproveita os núcleos ‘low-power’ para poupar energia em tarefas menos exigentes.

Xiaomi Mi 9 poderá ser o primeiro smartphone com este processador

Citando informações que circulam no mercado chinês, o site GizChina informou que o Xiaomi Mi 9 será o primeiro dispositivo a integrar o chipset Snapdragon 8150. A nova fuga de informações revelou algumas informações interessantes alusivas a este smartphone.

8150

A publicação afirma que o Xiaomi Mi 9 que chega no primeiro semestre de 2019 pode ser o primeiro smartphone com chipset Snapdragon 8150 (conhecido anteriormente como Snapdragon 855). À semelhança do Mi 8, o Mi 9 deve ser lançado primeiro na China.

A publicação afirma ainda que o Mi 9 virá equipado com câmaras traseiras triplas. O sensor primário será um Sony IMX586 de 48 megapixéis. As variantes regulares deste dispositivo podem vir com 6 GB ou 8 GB de RAM. Entretanto a variante mais alta pode incluir 10 GB de RAM. Espera-se que este dispositivo venha com um sensor de impressões digitais integrado no ecrã.


Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Em destaque

Leia também