Sharp Aquos C10 e B10 estão quase a aterrar na Europa

A Sharp está quase a aterrar no velho continente Europeu. No inicio deste ano foi revelada uma lista de equipamentos que iriam estar disponíveis na Europa, com os diversos nomes de código. Agora eis que já são conhecidas as principais especificações.

Sharp Aquos C10

Este equipamento poderá ser o Sharp E-H1, embora algumas especificações sejam diferentes. O ecrã é de 5.5 polegadas, com uma resolução de 2040 x 1080 pixéis e uma monocelha. Juntam-se a isto um processador Snapdragon 630, 4 GB de memória RAM e 64 GB de capacidade de armazenamento.

Ao nível das câmaras encontramos uma câmara traseira com sensores de 12 e 8 MP, enquanto os rumores anteriores davam conta de um sensor de 16 MP. Já a câmara frontal é constituida por um sensor de 8 MP e não um sensor de 20 MP como tinha sido noticiado.

Outras caracteristicas dão conta de uma bateria de 2700 mAh, o sistema operativo Android Oreo e a tecnologia NFC.

Sharp

O preço é de 399 Euros.

Sharp B10

Este smartphone possui especificações muito semelhantes à do E-M1. Integra um ecrã HD+ de 5,7 polegadas, um processador octa-core de 1,5 GHz, 3 GB de RAM e 32 GB de capacidade de armazenamento. Outras características dão conta de uma configuração de câmara dupla, um leitor de impressões digitais e uma bateria de 3840 mAh. Destaca-se ainda o sistema operativo Android Nougat.SharpO preço é de 299 Euros.

Importa salientar ainda que a Sharp também deverá lançar um outro smartphone com o nome de código Aquos D10, que é uma versão do Aquos S3 mas com um nome diferente.

Fonte , Via

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Patricia Fonseca
Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Leia também