Bateria de Grafeno no Galaxy S10? Descubra as vantagens!


Por em

Em novembro passado, a Samsung recebeu uma nova patente. Tratava-se de uma solução baseada em grafeno que poderia levar as baterias a conseguirem uma capacidade 45% superior às das atuais baterias de íons de lítio. Agora, depois de anos de desenvolvimento, há uma luz ao fundo do túnel. Uma fonte ligada à indústria está a afirmar que as baterias de grafeno da Samsung estão praticamente prontas e podem até chegar aos dispositivos já no próximo ano.

Quais as vantagens de uma bateria de grafeno?

Como mencionado acima, um dos principais benefícios é sua capacidade de manter mais carga. No entanto, estas células também podem ser carregadas 5 vezes mais rápido que as soluções atuais. Isto significa que, enquanto uma bateria de íons de lítio pode demorar 1 hora até atingir um certo nível de carga. As alternativas de grafeno podem atingir o mesmo nível de carga em apenas 12 minutos.

de grafeno

Além disso, importa salientar que, apesar da taxa de carga mais rápida, as baterias de grafeno tendem a deteriorar-se menos.

Uma vez que a produção de baterias de grafeno começa a aumentar, elas podem acabar por se revelar mais baratas do que as soluções de íons de lítio. Também são mais interessantes de um ponto de vista ecológico. Por fim, e talvez a melhor característica seja o facto de não explodiram. Assim, não vai ocorrer qualquer cenário semelhante ao do Galaxy Note 7.

Neste momento, não se sabe quando é que a Samsung vai começar a utilizar as novas baterias nos seus smartphones. No entanto, o Galaxy S10 é um excelente candidato. Se este for o caso, tanto a duração da bateria quanto a velocidade de carregamento provavelmente vão exceder todos os resultados anteriores. Até mesmo os do Huawei Mate 20 Pro, que atinge 70% da carga em apenas 30 minutos.

De facto, o mundo da tecnologia não pára e o grafeno parece ser de facto o futuro. Ele está a ser utilizado nos mais diversos materiais, inclusivamente em muitos gadgets, alguns dos quais vamos testar em breve na Leak.

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Apesar das dificuldades, a Intel continua com receitas fenomenais!

World of Warcraft Classic: Gráficos ‘clássicos’ vs Gráficos ‘Max’

Seguinte