Samsung estuda a nova tendência: câmaras escondidas no ecrã

Há coincidências engraçadas. Na quarta-feira quando a Huawei apresentou ao mundo o Mate 20 Pro a Leak esteve em dois pontos de reportagem. Em Londres e também em Lisboa a comentar a partir de uma loja Phone House. Ora, a uma dada altura desse Live referi que algo interessante que gostaria de ver num. smartphone era a câmara para selfies integrada no próprio ecrã. Hoje chega a informação de que a Samsung está a trabalhar nesta tecnologia e juro-vos que não sabia de nada.

As novidades que a Samsung quer em 2019

Além de uma proporção maior entre a ecrã e corpo, os topos de gama da Samsung para 2019 vão passar a integrar o sensor de impressões digitais no ecrã. No entanto esta não é a grande novidade das novidades.

Uma câmara para selfies integrada no próprio ecrã

Com os smartphones atuais, a necessidade de se ter câmaras frontais e outros sensores significa que é necessário um painel ou um módulo pop-out.

Sem grandes surpresas, a Samsung não é fã da última solução. Para além disso também não está muito interessada em implementar monocelhas. Por causa disso, a empresa está a testar alguns protótipos que utilizam usam câmaras para selfies por debaixo dos ecrãs, mais ou menos, como acontece com os sensores de impressões digitais.

Claro que esta tecnologia está atualmente numa fase inicial de desenvolvimento, portanto, uma implementação em produtos comerciais ainda está distante.

Novidade pode chegar no Galaxy S11

No entanto, se os testes da gigante sul-coreana correrem bem é possível que eles cheguem aos smartphones em 2020, o que significa que o Galaxy S11 seria o primeiro candidato.

No entanto, se houver algum problema com a qualidade, está novidade pode ser facilmente transferida para o Galaxy S12.

Como a Samsung e outros fabricantes de smartphones procuram designs completamente sem moldura, as implementações de sensores dentro do ecrã são uma necessidade para as empresas que desejam evitar os possíveis problemas de confiabilidade que vêm nos designs deslizantes ou pop-out.

No entanto e neste momento, porém, o foco parece estar na redução dos painéis e das monocelhas.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Filme mais visto da Netflix vai ter sequência e novidades incríveis!

Se durante os últimos tempos tem andado atento a todas as novidades que a Netflix tem revelado, então certamente deverá estar a par de...

Google quer competir com a Apple! Como? Tablet Pixel!

Por várias razões, a Google decidiu deixar de tentar competir com o iPad da Apple há alguns atrás, decidindo apostar tudo o que tinha...

iPhone 13 não é muito amigo das reparações

Hoje em dia, apesar do facto de a Apple ter um excelente serviço de suporte em Portugal, a verdade é que pode ir a...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!