Reino Unido quadruplica zona restrita aos drones nos aeroportos!

DJI é

Reino Unido, aumenta zonas restritas aos drones, nos aeroportos! – Num esforço para salvaguardar a segurança dos passageiros. Os aeroportos, ao longo do tempo têm de a adotar novas medidas de segurança.

Desta vez, é novamente o Reino Unido, que vai aumentar a no-fly-zone. A zona proibida a drones nos aeroportos. Tudo isto, já na próxima quarta-feira, dia 13 de Março.

Esta nova regra, já havia sido anunciada no mês passado!

Contudo, restava saber o quanto irão aumentar a área proibida, e a data em que começa a ser aplicada.

A nova regra de proibição vai quadruplicar o raio da zona proibida a drones em cada aeroporto do Reino Unido.

As novas regras, são a resposta dos aeroportos a tudo o que aconteceu não há muito tempo… em que, foram obrigados a fechar o seu segundo maior aeroporto, Gatwick, durante mais que um dia devido aos drones.

O incidente teve consequências enormes! Afetando, mais de 1000 voos e cerca de 140.000 passageiros. Contudo, ainda não foi descoberto o autor do incidente.

Após tudo isto, a DJI a gigante no mundo dos drones, decidiu, reforçar a segurança dos seus drones! A ideia passa por uma barreira virtual para toda a Europa, controlada pelo GPS dos próprios drones, via Geofencing. Leia mais sobre este assunto aqui.


DJI aperta segurança e cria barreira virtual para os seus drones!


aos drones

Todavia, as novas regras não acabam por aqui… Aliás, já para o final do ano iram existir novas regras para os utilizadores de drones, no Reino Unido.

A partir de Novembro, qualquer pessoa que obtenha um drone com mais de 250 gramas. Não só, terá de tirar um curso de segurança online, como também tem de se registar, junto à autoridade de aviação do pais.

Quem não estiver dentro dos conformes, corre o risco de pagar uma multa de até 1160€!

Em suma, tudo isto são medidas de segurança necessárias para que não volte a acontecer o que aconteceu, no aeroporto de Gatwick.

Afinal de contas, a segurança de um aeroporto nunca deve estar em causa. Sobretudo, no segundo maior aeroporto do Reino Unido. Que deslocou, mais de 78 milhões de passageiros só ano passado.

Fonte

 

Silvio José
Sempre gostei de tecnologia, e em tenra idade já sonhava em construir a minha Dream Machine. Alcançado esse sonho agora o objetivo é aprender mais e mais. A minha paixão em todo o tipo de tecnologia faz-me estar sempre alerta a todas as novidades.