As vantagens e desvantagens de optar por uma rede Wi-Fi Mesh

Seja para trabalhar ou para jogar o Wi-Fi tornou-se numa parte importante da nossa vida quotidiana. No entanto, isso não significa que esta tecnologia não tenha os seus problemas. Todos nós sofremos de problemas ocasionais de conectividade Wi-Fi. Os routers têm uma força limitada e, muitas vezes, há uma ou duas divisões que recebem um sinal mais fraco. Na pior das hipóteses, pode não ter Wi-Fi em certas partes da sua casa. Claro que os cabos ethernet podem resolver os seus problemas, mas depois tem de se preocupar com a gestão dos cabos. É aí que entra em jogo uma rede Wi-Fi Mesh.

As vantagens e desvantagens de optar por uma rede Wi-Fi Mesh

As redes Wi-Fi Mesh são na prática um sistema que consiste em vários dispositivos, normalmente routers Wi-Fi, que se ligam entre si para criar uma única rede. Essencialmente, é uma forma de alargar a sua cobertura a partes da sua casa que possam ser mais fracas do que outras. Uma rede destas cria vários pontos de conectividade em toda a casa, pelo que existe sempre um sistema próximo ao qual se pode ligar para aceder à Internet. Praticamente todas as grandes marcas de Wi-Fi têm um sistema destes. No entanto, embora possa parecer a solução para todos os seus problemas, existem algumas desvantagens na utilização de uma rede Wi-Fi Mesh.

As vantagens

A maior vantagem da utilização de deste sistema é o facto de garantir que a Internet chega aos pontos mais distantes da sua casa sem utilizar cabos, mas essa não é a única vantagem. Em comparação com os extensores Wi-Fi, uma rede destas perde menos velocidade à medida que espalha a ligação por toda a casa. Independentemente do local onde se encontra, cada nó oferece velocidades semelhantes às que teria se estivesse ligado ao router principal. Além disso, mantém-se na mesma rede, evitando que tenha de mudar como teria de fazer com um extensor. Não existe qualquer limitação de tamanho para elas, pelo que pode adicionar ou remover tantos pontos de ligação quanto necessitar.

A configuração de uma rede Wi-Fi Mesh também é muito simples. A maioria dos dispositivos apenas requer que os ligue e talvez toque em alguns botões na sua aplicação móvel para começar. A partir daí, as redes são totalmente automatizadas e, se houver algum problema, a aplicação dir-lhe-á exatamente o que se passa. Não é necessário aprofundar as definições da rede ou do router, o que torna a utilização incrivelmente fácil até para os utilizadores mais inexperientes.

Para além disso a utilização destas redes também não implica qualquer tempo de inatividade. Isto a não ser que a sua principal fonte de Internet se desligue. Se um dos nós ficar inoperacional, a rede desvia a comunicação para um dos outros, garantindo que se mantém ligado. A única ressalva é que, se os routers principais se avariarem, o mesmo acontece com a rede Wi-Fi, uma vez que é esta que está efetivamente ligada ao modem.

As desvantagens 

As redes mesh Wi-Fi não são perfeitas, pelo que existem inevitavelmente algumas desvantagens na tecnologia, sendo a mais óbvia o custo. Apesar de o mercado ter muitas opções, uma boa rede Wi-Fi mesh é mais cara. Os extensores Wi-Fi e os cabos ethernet são normalmente mais económicos.

Também não deve começar a instalar uma rede Wi-Fi só porque lhe parece uma óptima ideia. Muitas casas e apartamentos mais pequenos não precisam de uma rede Mesh, e criar uma seria um exagero.

No fim de contas, uma rede Wi-Fi mesh é uma rede sem fios, pelo que continua a ter todas as desvantagens de qualquer outro tipo de rede sem fios. Não obterá velocidades tão rápidas como uma ligação ethernet e não é a solução definitiva para quaisquer problemas de sinal que possa ter. Obstáculos como paredes sólidas que normalmente afetam a força do sinal Wi-Fi podem continuar a causar problemas.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

Como e quando deve utilizar um cartão de crédito virtual

Um cartão de crédito virtual é um número de cartão único e temporário que está ligado a uma conta de cartão de crédito existente....

Dicas essenciais para proteger o seu dispositivo contra roubo

Num mundo cada vez mais digital, proteger o seu smartphone tornou-se numa preocupação central. É que a ameaça de roubo não se limita apenas...

Dicas essenciais para limpar a sua piscina desmontável

Manter uma piscina desmontável limpa é essencial para garantir momentos refrescantes e seguros durante o verão. A limpeza de piscina não só melhora a...

Dobráveis: Xiaomi (e outras) por cima da Samsung em 5 aspetos!

Cmo estamos fartos de dizer, a Samsung é a força dominadora no mundo dos dobráveis. Mas, isso não significa que seja a fabricante que...

Faça isto e vai conseguir transformar o seu Gmail! Experimente!

Lidar com e-mails não é a forma mais divertida de passar o tempo. Sobretudo quando temos muitas mensagens com que lidar. No entanto, o...

Com este truque vai despachar o trabalho muito mais depressa!

Despachar o trabalho muito mais depressa é algo que todos queremos mas nem sempre conseguimos alcançar. No entanto a verdade é que está nas...

Newsletter Leak

Receba todas as notícias e destaques diretamente no e-mail. É grátis!

Artigos relacionados