Inicio Android (Quick Review) Huawei Mate 40 Pro: Uma autêntica 'besta'!

(Quick Review) Huawei Mate 40 Pro: Uma autêntica ‘besta’!

(Quick Review) Huawei Mate 40 Pro: Podia começar este artigo com a tradicional ‘lenga-lenga‘ do facto de a Huawei estar em maus lençóis com os Estados Unidos, o que acabou por remeter uma autentica gigante do design e inovação para uma posição complicada no mercado de smartphones, que em boa verdade, iria ficar nas suas garras.

Mas como estou farto de o fazer, vamos esquecer isso e avançar para aquilo que a Huawei tem mesmo para nos oferecer em 2020 com o seu novo Mate 40 Pro… Um smartphone que pelas próprias palavras da empresa, é o seu “Best Mate Ever“!



(Quick Review) Huawei Mate 40 Pro: Uma autêntica ‘besta’ de smartphone!

Huawei Mate 40 Pro.

Introdução

Portanto, para vos dizer a verdade, antes de entrar para os quadros da Leak.pt, era um autêntico e assumido ‘Hater da Huawei’! Olhava para os smartphones da fabricante Chinesa como aparelhos de segunda linha, que apenas tinham como pequena esperança, a possibilidade de conseguir bater os pesos pesados da Apple e Samsung. Também não era realmente muito fã da Skin Android que a empresa adora implementar, o EMUI.

Mas assim que entrei para a Leak, e tive a oportunidade de testar o Mate 10 Pro, uma das minhas primeiras análises de sempre nesta já longa vida de análise e crítica tecnológica… O meu ‘Hate’ desapareceu de forma extremamente rápida.

Afinal de contas, o Mate 10 Pro, que caso não saiba, foi lançado no já distante ano de 2017, foi sem qualquer tipo de dúvida o smartphone que mais mudou a maneira como eu uso um telemóvel no meu dia-a-dia.

Tudo nele era bom ou quase perfeito! O design era simplesmente de luxo, ecrã OLED era muito bom para a altura, as fotografias eram simplesmente incríveis para uma altura em que ter dois sensores na traseira de um telemóvel era uma maravilha tecnológica… E a bateria? Simplesmente brutal!

Além disso, o EMUI também não tem parado de melhorar, isto mesmo sem o input da Google.

Por isso, quando a Huawei escolhe a frase de marketing “Best Mate Ever“, é bom que cumpram! Ao fim ao cabo, historicamente, os Mate são sempre máquinas poderosas, que dão tudo por tudo para conquistar o título de smartphone do ano.

Mas vamos ao que interessa! Especificações técnicas:

  • CPU: Kirin 9000 5G (5nm)
  • GPU: Mali-G78 MP24
  • Ecrã: OLED, HDR10, 90Hz / 6.76” (~94.1%) -> 1344 x 2772 (~456 ppi)
  • RAM: 8GB
  • Armazenamento: 256GB UFS 3.1 + slot NM (Nano Memory)
  • Câmeras:

50 MP Ultra Vision Camera (Wide Angle, f/1.9)

20 MP Cine Camera (Ultra-Wide Angle, f/1.8)

12 MP Telefoto(f/3.4, OIS), suporte a AF

  • Bateria: 4400mAh com carregamento rápido de 66W (com fio) e de 50W (sem fio)

Design e Feeling na mão

Huawei Mate 40 Pro.

Na minha mais honesta opinião, a Huawei é a única fabricante de smartphones do mercado, pelo menos nas gamas mais altas, que continua a puxar a sua filosofia de design para a frente, tentando coisas novas. Ou seja, a Huawei não gosta de lançar dois aparelhos da mesma gama iguais ou quase iguais! Algo que está a acontecer nas gamas da Samsung e Apple…

Ao fim ao cabo, se formos comparar o Mate 20 Pro com o Mate 30 Pro, e agora com o Mate 40 Pro. É notório que existe mesmo uma evolução palpável, e na minha opinião, para melhor.

Huawei Mate 40 Pro.
Mate 40 Pro e Mate 30 Pro

Sim, o Mate 40 Pro vai inegavelmente buscar muita coisa ao P40 Pro lançado no início do ano! Especialmente na robustez e peso! O que me deixa um pouco triste, visto que no ano passado, o Mate 30 Pro chegou ao mercado com poder para dar e vender, ao mesmo tempo que oferecia um corpo super leve, e que na verdade, pedia para que lhe tocássemos de tão ‘sexy’ que era.

Huawei Mate 40 Pro.

No entanto, temos de olhar para o lado positivo! O Mate 40 Pro troca tudo isso para conseguir ter acesso a um sistema de câmeras mais poderoso, que vai mudar a maneira como tira fotos no dia-a-dia. Isto ao mesmo tempo que aposta em outras tecnologias que vai inegavelmente notar no seu uso diário.

Performance

Entretanto, como é tradição, o mais recente Mate da Huawei é também o primeiro smartphone Android a chegar às prateleiras com o mais recente processo de produção da TSMC. Ou seja, temos aqui um processador Kirin 9000 5G produzido com o processo de 5nm.

Algo que vai obviamente resultar numa maior performance nas tarefas do dia-a-dia, bem como uma maior autonomia derivada da eficiência dos transístores de 5nm.

Honestamente, ainda não tive a oportunidade de testar a performance deste novo aparelho a fundo. Mas a verdade é que tudo parece muito ‘snappy’ e fluido, muito provavelmente graças ao novo ecrã de 90Hz, algo que na minha opinião, já deveria ter feito parte do Mate 30 Pro do ano passado. (Para mim, só faltava isto para o Mate 30 ser inegavelmente o melhor aparelho de 2019, mesmo sem Google!)

Vou falar mais sobre este assunto na análise completa.

Câmeras

A Huawei pode ser muita coisa, mas brincar com o sistema de câmeras dos seus smartphones? Esqueçam isso! A gigante Chinesa está sempre focada na performance fotográfica, e claro, o Mate 40 Pro não é exceção.

Assim, muito resumidamente, o Mate 40 Pro vem com um sistema poderoso e pronto a impressionar. Um sistema que na verdade me faz lembrar o que tive a oportunidade de testar no P40 Pro+, um aparelho que mesmo após uns quantos anos nesta indústria, me deixou boquiaberto com uma performance fotográfica fora de série.

Vou tentar focar-me mais neste assunto na análise completa, entretanto deixo alguns exemplos daquilo que este aparelho é capaz de reproduzir no campo da fotografia. Ora veja:

Nota: Vou meter fotos noturnas ainda hoje!

Conclusão

Huawei Mate 40 Pro.

Em suma, ainda só tenho o Mate 40 Pro nas minhas mãos há 24 horas. No entanto, é inegável que a Huawei tem aqui uma nova ‘win’. Afinal, caso não fosse a já mais que mastigada situação da Google, teriamos aqui um aparelho com tudo para ser uma grande pedra no sapato para a Apple e Samsung… Especialmente quando estas rivais estão novamente paradas no desenvolvimento de novos design e funcionalidades realmente inovadoras.

Aliás, para ser completamente sincero, mesmo sem Google, temos aqui um aparelho muito interessante e com muito para oferecer. Especialmente quando temos em conta o esforço que a Huawei tem tido no desenvolvimento do seu ecossistema, especialmente no Petal Search. (Ferramenta criada para ter acesso a todas as apps que realmente necessita)

Entretanto, fique atento à nossa análise detalhada do aparelho.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

 

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

Windows 10: AMD, Nvidia e Intel têm novos updates! Atualize já

Todos queremos um PC a dar o máximo e sobretudo que esteja pronto para as próximas versões do Windows 10 e também para os...

Mega-promoção 2020 Cyber Week: Windows 10 a 7 Euros

Apesar da grande venda da Black Friday já ter acabado, assim como a Cyber Monday, as megapromoções não param. Assim, a Godeal24.com já preparou...

Google Fotos acaba de receber uma grande novidade! Atualize já

Em Setembro do ano passado, a Google adicionou uma nova visualização de memórias no Google Fotos. A ideia é ajudar os utilizadores a descobrirem...

Espera por Cyberpunk 2077? Streams só depois do lançamento!

Estando a apenas uma semana de distância, Cyberpunk 2077 já faz com que vários jogadores sintam aquele friozinho na barriga. Afinal de contas, este...

Nova personagem bombástica vai chegar ao Fortnite! Krat…

Apesar de já se encontrar no mercado há uma série de anos, Fortnite não parece querer desacelerar. Afinal de contas, depois da nova season...