Qualcomm afirma que o iOS 12.1.1 viola o ‘Ban’ do iPhone na China!

Enquanto que a Apple está a tentar, a todo o custo, apelar contra o bloqueio das vendas dos seus iPhone na China… A Qualcomm já alega que a última atualização do iOS (12.1.2), não fez mais nada a não ser violar o ‘ban’ dos iPhones mais antigos.

Afinal de contas, tudo parte plano da Qualcomm, que está agora a tentar banir os mais recente iPhone XS e XR da China

No fundo, a injunção preliminar, foi uma estrondosa vitória para a Qualcomm! Que viu assim, as vendas do iPhone 6s, iPhone 7 e iPhone 8 e iPhone X completamente bloqueadas na China.

iPhone na China

Pois bem, com a introdução do suporte ao eSIM, bem como uma grande vaga de correções… A Apple tentou dar a volta à violação de patentes, ao atualizar o seu iOS.

No entanto, este esforço não impressionou minimamente a Qualcomm:

“Apesar dos esforço da Apple, para tentar minimizar a significado da ordem judicial, e das suas afirmações em como irá dar a volta às violações… A Apple continua a violar as injunções.”

Dito isto, os esforços da Qualcomm para atacar a Apple, não ficam por aqui! Visto que a empresa quer agora atingir as vendas dos novos iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR.

“Estamos a planear usar as mesmas patentes, para bloquear as vendas dos modelos mais recentes.”

Por sua vez, a Apple mantém que todos os modelos do iPhone continuam disponíveis na China! Ao mesmo tempo que critica o seu rival, por usar três patentes que nunca tinham mencionado antes, incluindo uma que já foi invalidada.

iPhone na China

Além disto, a empresa chefiada por Tim Cook, salienta ainda, que a Qualcomm não se irá ficar a rir, visto que está a ser investigada por vários reguladores a nível mundial.

Se por acaso, o tribunal ‘Fuzhou Intermediate People’s Court’, voltar a decidir a favor da Qualcomm… A Apple irá ver todos os seus smartphones retirados das prateleiras, incluindo os modelos mais recentes!

Contudo, o contrário também poderá acontecer, ficando a Qualcomm de boca aberta e de lágrima no canto do olho.

Tudo isto acaba por ser extremamente curioso! Algumas semanas depois da Qualcomm dizer que tencionava voltar a trabalhar com a Apple… A gigante dos microprocessadores ataca a empresa de Cupertino sem qualquer dó ou piedade.


O que pensam sobre tudo isto? Partilhem connosco a sua opinião nos comentários em baixo!

Fonte