Inicio Android Problema no Wi-Fi deixa milhares de smartphones em risco

Problema no Wi-Fi deixa milhares de smartphones em risco

Uma falha chamada Kr00k e que está presente nos chips WiFi Broadcom e Cypress Semiconductor está a afetar mais de mil milhões de dispositivos – principalmente iPhones, mas também iPads, Macs, smartphones Android, Raspberry Pi ou Kindle e alti-falantes ligados ao Amazon Echo. A ESET explica que os patches para o problema no Wi-Fi já estão disponíveis na maioria dos fabricantes.

Problema no Wi-Fi deixa milhares de smartphones em risco

De facto são muitos dispositivos que a ESET testou e descobriu que estão vulneráveis. Os principais destaques vão para o Galaxy S8, para iPads e iPhones, mas também não escapam os Nexus, nem o Redmi 3S da Xiaomi.

problema no Wi-Fi

Eis a lista completa:

Amazon: eco 2ª geração, Kindle 8ª geração
Apple: iPad mini 2, iPhone 6, iPhone 6S, iPhone 8, iPhone XR, MacBook, iPad Air
Google: Nexus 5, Nexus 6, Nexus 6P
Raspberry Pi 3
Samsung Galaxy s4, Galaxy s8
Xiaomi Redmi 3S

O problema também parece afetar os routers ASUS e Huawei. A ESET, no entanto, especificou que “muitos outros fabricantes cujos produtos não testámos utilizam os chipsets afetados nos seus dispositivos”. Contudo, a vulnerabilidade não está presente nos chipsets Qualcomm, Realtek, Ralink e Mediatek.

problema no Wi-Fi

A falha conhecido por Kr00k manifesta-se quando um dispositivo móvel com o chipset afetado não consegue estabelecer a ligação Wi-Fi. Isto acontece várias vezes ao dia, em caso de perda de sinal. Nessa altura, o chipset tenta restabelecer a ligação automaticamente. No entanto, graças às vulnerabilidades desses chipsets, os utilizadores mal intencionados podem forçar um cliente a desligar-se e a transmitir dados de uma forma menos segura.

A ESET transmitiu as suas descobertas com vários meses de antecedência aos fabricantes afetados, e um patch já está disponível para a maioria dos dispositivos na forma de uma atualização do sistema. Seja no iPhone, num Galaxy S8 ou no Amazon Echo, a melhor forma de se proteger é garantir que está a executar a versão mais recente do sistema operativo.

A investigação sobre este bug data do terceiro trimestre de 2018. A Cypress e a Broadcom foram informadas em agosto de 2019 e os patches começaram a circular no último trimestre de 2019. No entanto, há milhares de equipamentos que continuam desprotegidos. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

Não tem nada para ver na Netflix? Veja estes filmes e séries!

A Netflix é bastante conhecida em todo o mundo devido às suas brutais aquisições quando o assunto é cinema. Afinal de contas, existe muito...

Crysis 4 vai ser lançado em breve! Será que o seu PC aguenta?

Apesar de ainda nada ter sido oficialmente revelado acerca deste novo jogo, parece que a Crytek vai mesmo satisfazer a vontade dos fãs e...

Xbox Series X vs PlayStation 5: só uma vence nas especificações!

A XBOX Series X e a PlayStation 5 já estão à venda em todo o mundo. A procura é muita, embora por questões de...

A AMD quer ajudar a NVIDIA e Intel… Mas não quer ajudar muito!

Caso não saiba, as novas placas da AMD trazem uma nova tecnologia bastante curiosa que permite ao processadores Ryzen 5000 ter acesso à totalidade...

Motorola lança smartphone topo-de-gama atrasado em 2021

A Motorola regressou ao segmento dos topos-de-gama em Abril. Dito isto, as coisas parecem estar a correr bem e não há muitas intenções de...