Pro-Ject Audio Systems VTE já está disponível no mercado português


Por em

Depois do anúncio em junho passado, o novo gira-discos vertical Pro-Ject Audio Systems VTE está desde agora disponível no mercado português – e com um preço de apenas 339 euros.

O VTE, que é vendido completo, com braço e uma célula Ortofon OM5, pode ser adquirido em preto, branco ou vermelho, para melhor se poder integrar no décor da sala. Porque este é um gira-discos que tem tudo para se tornar na peça central do seu sistema de som – e de todas as conversas!
Concebido pela empresa austríaca Pro-Ject Audio Systems o novo VTE resolve não apenas os problemas de espaço para quem não tenha onde colocar um gira-discos, mas foi também criado a pensar em todos os que pretendem um equipamento diferente e original.

PJ-Phono-VTE-L-Allcolours-Wall-Bottomup-X3

Tudo no Pro-Ject VTE foi pensado para um posicionamento vertical. O braço e a cabeça do gira-discos estão pré-afinados para exercerem a pressão necessária e contrariem a força da gravidade, enquanto o “clamp” central se destina a manter o disco no lugar ao mesmo tempo que o mantém na posição perfeita para a melhor leitura possível.

Ao ser retirado da embalagem, o gira-discos está pronto a usar. É apenas preciso decidir se o vai colocar sobre uma superfície horizontal ou se, pelo contrário, prefere colocá-lo na parede – talvez ao lado do seu ecrã plano. Em qualquer dos casos, o VTE inclui já todos os acessórios: um terceiro pé para colocação numa mesa ou prateleira bem como os suportes necessários para que fique firmemente montado na parede.

PJ-Phono-VTE-R-Black-Wall-X3

Disponível em três cores “mate” – preto, vermelho e branco – está igualmente disponível (apenas por encomenda), uma versão especial “L” com o braço do lado esquerdo, destinada a canhotos.

Leia também

Ou veja mais notícias de outros

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Canon introduz hoje nova gama de impressoras Pixma

Kaspersky descobre Guerrilla, um malware que viola mecanismo anti-fraude do Google Play Store

Seguinte