Os melhores e os piores equipamentos de 2019 para reparar

Os smartphones, tablets e computadores são excelentes máquinas e ajudam-nos a estar em contacto com o mundo a qualquer momento. No entanto e como qualquer equipamento eletrónico, estão sujeitos a falhas. Quando isso acontece é sempre melhor reparar do que comprarmos um novo equipamento. Isto na grande maioria das situações. Ora para nos ajudar a saber quais os dispositivos mais fáceis de reparar e quais os mais complicados, a iFixit decidiu publicar o seu ranking pessoal de 2019 para os melhores e piores dispositivos.

Os melhores e os piores equipamentos de 2019 para reparar

Os dispositivos mais fáceis de reparar são o Fairphone 3, o Mac Pro 2019 e a edição digital da Xbox One S. Em todos os casos, a facilidade de acesso e a simplicidade com que os componentes podem ser removidos e substituídos tiveram direito a elogios. Noutros, a presença de indicações específicas dentro do corpo também aumentou ainda mais a classificação.

Xbox?

No top dos dispositivos mais difíceis de reparar temos uma aposta da Samsung e duas da Apple. Assim, temos o Samsung Galaxy Fold, o MacBook Pro de 16 polegadas e ainda os Apple AirPods Pro.

Galaxy Fold

Se, no caso dos Galaxy Fold, as críticas parecerem óbvias (dada a presença da dobradiça), as endereçadas aos produtos Apple dizem respeito principalmente ao uso excessivo de cola e, no caso dos AirPods, à impossibilidade prática de os voltar a montar (tornando-os impossíveis de reparar).

Entretanto, importa fazer uma menção honrosa ao Surface Laptop 3. Embora a sua pontuação de 5 em 10 não seja nada do outro mundo, o iFixit decidiu elogiar a Microsoft pelo seu compromisso com a reparabilidade. É que os primeiros modelos da linha Surface Laptop tiveram 0 pontos em 10 possíveis nos testes de reparação.

Já que falamos em reparação, o Google Pixel 4 XL e o Xiaomi Redmi Note 7 acabam de ser eleitos os smartphones mais frágeis do ano de 2019 pelo conhecido canal de YouTube Jerry Rig Everything. Como o YouTuber faz questão de lembrar, fazem parte da lista dos raros smartphones no mercado que não sobreviveram ao teste de dobragem tradicional.

Redmi Note 8 Pro já, reparar

Durante o teste, Jerry Rig Everything conseguiu dobrar o Xiaomi Redmi Note 7 com as próprias mãos. A mesma coisa aconteceu como Pixel 4 XL, que ocupa o segundo lugar nesta lista.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário