Oops!? A Samsung também está à espera de uma queda nas receitas

Depois de um segundo trimestre de 2018 desapontante, a Samsung até conseguiu voltar aos lucros nos três meses seguintes! Contudo, o último trimestre voltou a ficar aquém do esperado… Atenção, que aqui estamos a falar de toda a empresa, e não apenas do departamento mobile.

Em suma, a Samsung Electronics está à espera de uma queda de 11% ano-após-ano, com uma receita à volta dos 52.5 mil milhões de dólares. Similarmente, os lucros operacionais desceram cerca de 29%, para 9.7 mil milhões de dólares. (Eram esperados 11.8 mil milhões)

samsung também

“Estamos à espera que esta tendência continue no primeiro trimestre de 2019, devido ao estado do mercado de memórias.”

Pois é, apesar do departamento de memória da Samsung ser normalmente uma das luzes mais brilhantes da empresa… Desta vez, sofreu imenso com a queda da procura no mercado de centros de dados.

Além disto, a guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, também tiveram o seu impacto, claro está.

Claro que no mercado de smartphones, as coisas também não estão muito melhores… Afinal de contas, é um dos mercados mais dinâmicos, com novos modelos a serem lançados de 6 em 6 meses! Isto, já para não falar de um nível de competitividade super elevado.

Contudo, hoje em dia, os utilizadores já não querem trocar de telemóvel todos os anos! Aliás, grande parte prefere até passar a marca dos 2 anos, o que é perfeitamente possível, se escolher o terminal certo na altura certa.

Portanto, com as vendas a baixar, e com uma forte concorrência de vários fabricantes Chineses, que conseguem meter no mercado, ótimos aparelhos a um preço bastante mais simpático.

Assim, a Samsung, bem como outras empresas com nome na indústria, começam agora a sofrer, enquanto sentem a estagnação do mercado.

Exatamente, não é só a Samsung que está a sentir este fenomeno, a Apple também se encontra em sofrimento, mas numa escala um pouco diferente, visto que a maioria do seu negócio está assente no iPhone.


O que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo!