Inicio Especiais O processo de 14nm da Intel é um problema bem interessante...

O processo de 14nm da Intel é um problema bem interessante…

Como deve saber, a Intel ainda não conseguiu solucionar completamente todos os problemas que pairam em cima do seu processo de 10nm… Afinal de contas, os novos Intel Core 1000 vão continuar a ser baseados no mesmo processo de 14nm, que tão bem conhecemos.

Será isto um problema assim tão grave? Os 14nm da Intel acabam por ser um assunto bastante interessante! Ora Leia

Portanto, com todos os anos que este processo já tem em cima, é fácil chegar à conclusão que estamos perante uma tecnologia super madura. Aliás, o processo está tão refinado, que a mudança para um outro processo (como o de 10nm), pode acabar por ser detrimental para a performance do produto final.



14nm da Intel

Em suma, as frequências que a Intel consegue alcançar com os 14nm já são tão altas… Que os ganhos de IPC poderiam não ser suficientes para oferecer mais performance. O que por sua vez, iria tornar toda a transição no mundo Desktop algo bastante difícil de fazer.

Entretanto, no mundo dos portáteis, as coisas seriam muito mais fáceis. Afinal, aqui o rei e senhor é a autonomia, e para isso os 10nm deverão ser algo bastante interessante para o mercado. Com um bom ganho no IPC, e frequências bem mais baixas para poupar energia.



É devido a tudo isto que a Intel quer apostar primeiro no mercado mobile, lançando uma nova gama de produtos de 14nm para o mundo dos PCs Desktop.

Caso não saiba, os novos processadores Intel Comet Lake S vão ser divididos em 3 categorias:

  • 125W
  • 65W
  • 35W

Sim, leu bem… 125W! Esta é a grande aposta da Intel para atacar a AMD! A ideia aqui é utilizar todas as vantagens de um processo de 14nm super maduro, para atingir níveis de performance um pouco acima daquilo que estamos habituados. É também um pouco devido a isto, que a empresa decidiu mudar para o socket LGA 1200, tendo assim acesso a mais energia.

Assim, não seria grande surpresa, ver processadores com 10 núcleos a chegar aos 5GHz (em todos os núcleos).


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo. Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.

Leia também

(Especial) NVIDIA com medo da AMD! RTX 30 esgotadas? É estratégia!

NVIDIA com medo da AMD! RTX 30 esgotadas? É estratégia! - Como deve saber, a conhecida fabricante de placas gráficas foi capaz de impressionar...

Google Play Store: apague agora mesmo estas aplicações!

Entre julho e a segunda semana de setembro, a Google retirou 17 aplicações da Play Store. Isto por estarem infetadas com malware. Primeiro foram...

Ryzen 4000? O salto é tal… Que vamos diretamente para os Ryzen 5000!

Está à espera dos Ryzen 4000 baseados na arquitetura Zen 3? Temos más notícias... Esse produto não vai existir! Mas calma, porque está na...

La Casa de Papel: Já sabemos qual o destino de “Rio”! Curioso?

La Casa de Papel é sem dúvida nenhuma uma das séries espanholas mais vistas e adoradas em todo o mundo. E apesar da sua...

WhatsApp vai mudar e recebe cinco grande novidades!

Ninguém dispensa o WhatsApp. De facto, é das aplicações mais utilizadas em todo o mundo, e curiosamente, vejo pessoas de todas as idades a...