O Google Chrome vai começar a consumir ainda mais memória RAM!

Infelizmente, o Browser Google Chrome não foi conhecido por ser poupado no consumo de memória… No entanto, agora as coisas vão piorar ainda mais!

Tudo devido às correções que a Google teve de implementar contra as vulnerabilidades ‘Spectre’ que foram descobertas no ano de 2018. Se por acaso se esqueceu destas vulnerabilidades, são uma falha de segurança que afetam uma grande variedade de processadores, incluindo a oferta da Intel e AMD…

Google Chrome

Por isso, a probabilidade do seu portátil ou computador de secretária estar vulnerável é bastante alta! Em suma, estas vulnerabilidades obrigaram a correções via atualização de software.

A Google tentou explicar toda a situação numa publicação no seu blogue, onde podemos ler:

“A funcionalidade ‘Site Isolation’, é uma mudança significativa ao comportamento do Google Chrome. Mas não deverá provocar mudanças visíveis à maioria dos utilizadores ou programadores (além de alguns problemas já conhecidos). Na prática, apenas oferece maior proteção entre websites.”

“No entanto, esta funcionalidade faz com que o Chrome crie mais processos de renderização, o que leva a um impacto na performance… Contudo, cada processo é agora mais pequeno e menos duradouro, mas irá consumir mais 10-13% de memória RAM, devido ao maior número de processos. A nossa equipa continua a trabalhar arduamente para otimizar este comportamento, de forma a manter o Chrome rápido e seguro.”

A Google diz que o ‘Site Isolation’ está agora ativo para 99% dos utilizadores Windows, Mac, Linux e Chrome OS.

Explicando ainda que o propósito de tudo isto, é prevenir que um atacante consiga ter acesso a informação privilegiada do utilizador. As vulnerabilidades Spectre e Meltdown permitem a um atacante o acesso a dados num computador, sem o conhecimento do utilizador.

Esta funcionalidade previne que vários sites sejam carregados no mesmo processo. Desta maneira, se uma página maliciosa tentar um ataque, o dados nas outras páginas não será comprometida.

O que é excelente! Em 2018 a segurança é das coisas mais importantes a reter! No entanto, o facto de que o Chrome consome ainda mais RAM, quando antes já era um valor exagerado, é muito mau.

Uma das soluções poderá ser o aumento da sua quantidade de RAM, isto se conseguir pagar os preços inflacionados.

Via

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário