O Galaxy S10 foi mais popular que o S9!… Mas isto é um mau sinal!?


Por em

O Galaxy S10 foi na minha opinião, o melhor smartphone de 2019! Afinal de contas, quando saiu oferecia uma das melhores experiências de utilização, bem como um dos designs mais apelativos do mercado.

E claro, com o passar do tempo, na segunda metade do ano, acabou por ser uma solução ainda mais interessante! Muito graças às normais baixas de preço que acontecem durante o ciclo de vida de um aparelho.



Dito isto, não é com grande surpresa que ficámos a saber que a família de smartphones Galaxy S10, foi significativamente mais popular em relação aos velhinhos S9. No entanto, um novo estudo de mercado parece querer dizer que isto não significa nada bom para o futuro da gigante Coreana Samsung!

O Galaxy S10 foi mais popular que o S9!… Mas isto é um mau sinal!?

galaxy watch, s10

Portanto, não foi com grande surpresa que o Galaxy S10 teve mais sucesso relativamente aos seus antecessores de 2018. Afinal, foi um lançamento que trouxe consigo várias atualizações importantes para a gama, como um novo design, baterias maiores, sensor ultra-sónico debaixo do ecrã, etc… Contudo, é provável que não tenha sido o suficiente.

O Galaxy S10 vendeu mais que o Galaxy S9, mas não conseguiu alcançar as expetativas dos analistas

Em suma, de acordo com um novo estudo de mercado, a Samsung vendeu 37 milhões de unidades do Galaxy S10 nos primeiros 6 meses de 2019. Um aumento de 15% em relação ao ano de 2018, em que o Galaxy S9 e S9+ falharam em criar um impacto sério.

No entanto, estes números acabam por ficar muito aquém do esperado, visto que os analistas tinham delineado uma marca cerca de 50 milhões de unidades vendidas no mesmo período de tempo.

A estagnação do mercado de smartphones foi uma pedra no sapato da família Galaxy S10

Parece que um dos grandes culpados para este ‘fail’ nas vendas, foi nada mais nada menos que a cada vez mais popular desculpa da estagnação do mercado de smartphones. Mas vamos perceber o porquê…

Então, entre 2014 e 2016, o mesmo período em que demos as boas vindas ao Galaxy S5, S6 e S7, a Samsung conseguiu sempre alcançar a marca das 40 milhões de unidades vendidas nos primeiras 6 meses. Entretanto, em 2017, o Galaxy S8 já começou a mostrar uma quebra nestes números, ao conseguir ‘apenas’ 38 milhões de unidades. E lá está, em 2018 a coisa foi ainda pior, ao baixar este número para as 32 milhões de unidades.

A coisa fica ainda pior, quando temos em conta que quem ‘safou’ as vendas da gama Galaxy S10 foi o modelo ‘budget’, o S10e

Ou seja, parece que os consumidores simplesmente não querem voltar a dar 1000€ ou mais por um smartphone, quando já têm um bom aparelho no bolso, ou existem alternativas viáveis no mercado. (Por vezes até da mesma marca, como é o caso do S10e. Ou o também muito popular iPhone Xr)

Entretanto, os novos Galaxy S20 deverão trazer consigo mais uma mão cheia de melhorias em relação aos modelos do ano passado. Por isso, este lançamento poderá ser uma excelente forma de provar ou não, se esta teoria da estagnação está mesmo correta.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Leia também

Ou veja mais notícias de Android, Especiais, Featured

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.