Nokia X: Poster revela novamente o design com monocelha

Faltam menos de dez dias para a Nokia oficializar o seu novo smartphone com o nome de código Nokia X. Este equipamento é o primeiro telefone da HMD Global a incluir uma monocelha semelhante à do iPhone X. Ao que parece, o dispositivo será vendido na China na loja Suning (uma espécie de exclusivo inicial) que publicou um cartaz promocional referente a este equipamento. Neste cartaz podemos observar o design completo do dispositivo, apesar de ele já ter sido mostrado na China no final do mês passado.

O Nokia X apresenta um design em vidro na parte traseira e uma moldura em alumínio. Destaca-se um leitor de impressões digitais na parte de trás e na parte frontal tem um ecrã de 5,8 polegadas, com uma resolução Full HD + de 1080 x 2280 pixéis e uma proporção de 19: 9.

Nokia X

Este equipamento disponibiliza uma configuração de câmara dupla na parte traseira mas não tem a assinatura Carl Zeiss que faz com que este dispositivo seja mais barato do que o Nokia 7 Plus.

Espera-se que o Nokia X venha equipado com um processador Helio P60 e 4 GB de memória RAM. No entanto, deverá existir uma versão mais cara com um processador Qualcomm Snapdragon 636 e 6 GB de RAM. A primeira versão deverá de ter um preço entre os 210 ou 250 dólares enquanto a outra versão ronda os 237/283 dólares.

O Nokia X deverá de ser lançado no próximo dia 16 de Maio. Importa salientar que posteriormente este smartphone deverá deixar de ser exclusivo da Suning na China.

Fonte

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Patricia Fonseca
Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

Leia também