Atriz da Netflix vítima de ataque racista! Situação está a agravar-se!

Midori Francis é uma conhecida estrela da Netflix, no entanto, nem isso fez com que ela se livrasse de um ataque racista. Isto numa altura em que o número de crimes de ódio anti-asiáticos continua a aumentar nos EUA. A atriz que foi estrela na comédia romântica Dash & Lily em 2020 contou tudo numa publicação no Twitter que deste então foi apagada. A propósito se ainda não viram este filme, vale realmente a pena ver.

Atriz da Netflix vítima de ataque racista! Situação está a agravar-se!

Na sua conta pessoal do Twitter, a atriz detalhou o incidente em que um passageiro num carro preto abrandou e cuspiu-lhe para cima através da janela.

Netflix racista
ALISON COHEN ROSA/NETFLIX © 2020

A atriz dos Good Boys – de ascendência japonesa – disse que o ataque ocorreu às 14h37 em Los Angeles e que não conseguiu identificar a matrícula do carro.

Francis pediu ajuda aos seus seguidores para contactarem uma linha específica de crime de ódio e, mais tarde, acrescentou que, desde então, tinha relatodo os factos às organizações stopaapihate.org e standagainsthatred.org.

A jovem de 26 anos comentou que ficou triste quando percebeu que isto estava a acontecer muitas vezes quando denunciou o crime.

Entretanto outra estrela adolescente Arden Cho partilhou recentemente uma publicação no Instagram onde detalha um ataque racista que lhe aconteceu enquanto passeava com o cão. Cho escreveu que um homem tinha gritado que ia “matar a mãe” dela e também o cão.

Os problemas com Francis e Cho surgem no meio de uma onda contínua de crimes de ódio anti-asiáticos nos EUA. Assim três tiroteios em Atlanta no mês passado levaram à morte de oito pessoas mortas, seis das quais mulheres asiáticas.

Um estudo da Universidade de Califórnia concluiu que os crimes de ódio contra asiáticos em 16 cidades aumentaram 150% em 2020.

Entretanto, no Reino Unido, os dados da polícia sugerem que houve um aumento de 300 por cento nos crimes de ódio contra pessoas de património chinês, leste e sudeste asiático no primeiro trimestre de 2020, em comparação com o mesmo período de 2018 e 2019.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.

Artigos relacionados