Netflix: Partilha de contas complica-se no início de 2023

Já andamos a falar das intenções da Netflix, relativamente à partilha de contas, há mais de um ano. Pois… Agora está na hora de falar menos, e preparar mais! É que a revolução no sistema chega à plataforma no início de 2023.

Netflix: Partilha de contas complica-se no início de 2023

Netflix

Portanto, como deve imaginar, enquanto crescia de forma absurda, a Netflix não estava muito preocupada com a partilha de contas, aliás, até chegou a afirmar que “partilhar é amar”. Mas, à medida que o crescimento foi ficando mais lento, a plataforma começou a olhar para este tipo de partilha, como algo que estava a limitar, e bem, os possíveis ganhos anuais.

Afinal de contas, em 2022, existem cerca de 223 milhões de contas registadas, no entanto, existem mais de 100 milhões de utilizadores a aceder através de partilha.

Como é óbvio, ninguém garante que acabar com a partilha, signifique um acréscimo de 100 milhões de clientes. Aliás, até existe o risco de muitos dos utilizadores agora subscritos, desistem da plataforma, porque não lhes faz sentido pagar uma subscrição mental de 15 ou 16€, sozinhos.

Mas, nesta altura do campeonato, a Netflix está confiante na qualidade do seu conteúdo, e como tal, sente que vai sempre ficar a ganhar ao implementar um sistema capaz de meter um travão à partilha. Esse travão está prestes a chegar!

Pois bem, o fim da partilha vai chegar através de um sistema capaz de identificar atividades de conta suspeitas. Como? A Netflix vai monitorizar endereços de IP, e claro, localização normal de acesso.

Quanto vai custar esta brincadeira aos utilizadores?

netflix

Se a sua conta for “apanhada” no esquema, então, todos os utilizadores extra vão ter de pagar 6.99€ pelo acesso à plataforma. O que claro está, é o mesmo exato preço do novo plano de subscrição mais barato.

  • Nota: Sim, em alguns países de teste, nomeadamente na América do Sul, este custo é de apenas 2.99€. Mas, na Europa… Não conte muito com isso.

Assim, vai sempre caber ao “parasita” decidir se quer a sua própria conta ‘limitada’, ou continuar a parasitar a conta de amigos ou familiares, ao mesmo preço, mas provavelmente com mais qualidade de imagem.

Isto é mesmo bem jogado para a Netflix?

Muito honestamente, para mim, tanto se dá como se deu. Não partilho a conta com ninguém fora de casa, e por isso mesmo, nada disto me irá afetar. Mas, conheço muito boa gente que partilha a conta com 1, 2, 3 pessoas, isto num esquema de partilha de custos. Acredito honestamente que a Netflix está a subestimar o número de utilizadores que vai simplesmente abandonar a plataforma, porque não tem dinheiro, ou não o quer gastar.

Em suma, acredito que muito boa gente, que anda a partilhar conta desta forma, vai simplesmente cancelar a subscrição, porque não está para ter um custo acrescido, mensal, desta magnitude.

Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilha conta? Era capaz de pagar 7€ para se manter ligado a conta de um amigo ou familiar? Ou isso é um preço que não faz grande sentido? Partilhe connosco a sua opinião na caixa de comentários em baixo.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, fui sempre aquele membro da família que servia como técnico ou reparador de tudo e alguma coisa (de borla). Agora tenho acesso a tudo o que é novo e incrível neste mundo 'tech'. Valeu a pena!

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.