Moto G7: a grande aposta da Motorola já chegou. Vale a pena?

Depois de tanto falarmos nas novas apostas da Motorola, eis que a série Moto G7 foi finalmente oficializada. Como aconteceu anteriormente temos modelos para todos os gostos e carteiras. Dito isto, nas próximas linhas contamos tudo acerca do Moto G7, Moto G7 Plus, Moto G7 Power e Moto G7 Play que é o mais baratinho desta família.

Ao nível do processador e como já tinhamos referido anteriormente na Leak, todas estas apostas da Motorola vêm com chipset Qualcomm Snapdragon 632.

É sem dúvida um processador interessante no campo da gama média. Tem oito núcleos que operam a 1.8GHz e uma gráfica Adreno 506.

Moto G7: A opção de topo da Motorola

Em primeiro lugar, o G7 está definitivamente no topo desta família. Tem um design em vidro que lhe dá um aspeto premium e pode ser adquirido em preto ou branco.

da Motorola

Entretanto, este smartphone é o único a integrar um ecrã Full HD+. Vem com um painel LCD de 6.2 polegadas que disponibiliza uma resolução de 2.270 por 1.080 pixéis. Destacam-se ainda os 4GB de memória e 64GB de armazenamento.

da Motorola

Ao nível das câmaras destaca-se a configuração de câmara dupla. O sensor principal é de 12 megapixéis e o secundário de 5. Claro que com estas caraterísticas suporta o procurado modo retrato. Na parte frontal está uma câmara de 8 megapixéis.

A Motorola incorporou uma bateria de 3.000mAh neste smartphone.

Moto G7 Power: Bateria poderosa

O G7 Power faz lembrar o ASUS Max Power que ando a testar. Um dispositivo que surpreende pela sua bateria. Assim, não espere menos do que 5000 mAh. Segundo este fabricante, a bateria garante o smartphone a funcionar durante três dias. De facto, é melhor que muitos todos de gama.

da Motorola

Entretanto, já que falamos em bateria importa destacar o carregamento rápido que fornece nove horas e energia depois de 15 minutos a carregar.

O tamanho do ecrã não é muito diferente do que está disponível no G7. No entanto, a resolução é mais fraca. Assim, temos 1570×720 pixéis. Ao nível da memória e armazenamento também levamos menos para casa. Como tal, temos 3GB e 32GB, respetivamente.

Na parte traseira encontramos uma única câmara de 12 megapixéis. Já a câmara frontal para selfies tem 8. Mas apesar da presença de uma única câmara, este smartphone disponibiliza o modo retrato na câmara frontal e traseira. Claro que não é algo feito com as lentes, mas sim com software que cria o efeito de desfocagem.

Moto G7 Play: mais pequeno e barato

Pelo que vimos nos anos anteriores, e agora também, os smartphones “Play” da Motorola são sempre os mais pequenos. Na prática é uma versão Lite, mais acessível a todos os utilizadores. Como tal, tem especificações mais modestas.

Este dispositivo tem um ecrã de 5.7 polegadas. Entretanto, a resolução é a mesma da versão Power, ou seja, 1570×720 pixéis.

Ao nível da memória tem 2 GB e os 32 GB de armazenamento da versão G7 Power.

Na parte traseira está uma câmara de 13MP e outra de 8 na parte frontal.

Como acontece com o G7, encontramos uma bateria de 3000 mAh. Na prática dá para um dia de utilizações.

Moto G7 Plus: Uma aposta na câmara

O modelo Plus é diferente do resto da série G7 e aposta nas câmaras, mas não só.

Este smartphone vem com um processador Qualcomm Snapdragon 636 com placa gráfica Adreno 509. A memória é de até 4 GB e o armazenamento é de 64 GB.

A câmera possui um sensor de 16MP e outro sensor de profundidade de 5MP para o modo retrato. Destaca-se ainda o HDR automático, zoom de alta resolução e EIS / OIS. Na parte frontal está uma câmara para selfies para 12 MB.

Estes dispositivos vêm com porta USB-C e uma saída para auscultadores de 3,5mm. Destaca-se ainda o leitor de impressões digitais.

Já o sistema operativo é o Android 9 Pie. As outras caraterísticas, como a aplicação de câmara e funcionalidades são comuns em todos os modelos.

E o que falta neste smartphone?

Rapidamente, duas coisas. Não tem NFC e como tal nada de fazer pagamentos com estes smartphones. A outra caraterística em falta é a resistência à água.

Os preços

O Moto G7 custa 299 Euros. Já o 7 Power tem um preço a rondar os 249 Euros. O G7 Play é mais barato com um custo de 199 Euros e o G7 Plus, disponível apenas em alguns mercados, vai custar 299 Euros.