MIUI 10 chega a mais 20 telemóveis da Xiaomi! O seu está na lista?

A Xiaomi começou a disponiblizar o MIUI 10 para mais telemóveis. A nova versão chega assim a 20 novos equipamentos, perfazendo um total de 39. Esta atualização já tinha chegado aos equipamentos mais recentes no dia 10 de Setembro, mas os sites Mydrivers e GizMochina anunciaram que só agora é que os modelos mais antigos a estão a receber também.

A nova distribuição está a ser feita via OTA. No entanto para que não tenha de esperar pode recorrer à secção de downloads do site MIUI.com. Atenção que terá de estar mais ou menos confortável com o processo de instalar ROMs de uma forma manual. Neste momento o portal de downloads em lingua inglesa ainda se refere à versão 9.0. Ainda assim, a versão chinesa já aborda o MIUI 10.

A nova lista inclui muitos dispositivos de 2016, bem como o Xiaomi Mi 4 lançado em agosto de 2014. De facto é interessante vermos que a Xiaomi continua a apostar nas atualizações para todos os dispositivos. É que nem mesmo os muito antigos ficam de fora.

Eis a lista completa:

Xiaomi Mi Series

  • Mi 4
  • Mi 4C
  • Mi 4S
  • Mi 5s
  • Mi 5s Plus
  • Mi Max
  • Mi Max Prime
  • Mi Max 2

Xiaomi Redmi series

  • Redmi 4
  • Redmi 4 Prime
  • Redmi 4A
  • Redmi 4X
  • Redmi 5A
  • Redmi 5 Plus
  • Redmi Pro

Xiaomi Redmi Note series

  • Redmi Note 3
  • Redmi Note 4
  • Redmi Note 4X
  • Redmi Note 4X MediaTek variant
  • Redmi Note 4X Qualcomm variant
  • Redmi Note 5A
  • Redmi Note 5A Prime

O que muda nestes dispositivos com o novo MIUI 10?

Modo retrato para câmaras individuais

O modo retrato normalmente requer uma configuração de câmara dupla para capturar informações de profundidade e outros detalhes. No entanto no ano passado começamos a assistir a várias soluções baseadas em software para smartphones com apenas uma câmera e que apresentavam resultados muito interessantes.

É verdade que a Xiaomi já utiliza o modo retrato nos seus telefones com câmara dupla, mas uma das funcionalidades mais interessantes do MIUI 10 é o aparecimento de um novo modo retrato baseado em software para dispositivos com uma única câmara. A Xiaomi alega que treinou os seus algoritmos com mais de 100.000 fotos, por isso, esperamos uma qualidade muito boa.

Um menu “recentes” redesenhado

O MIUI 9 marcou a primeira grande incursão da Xiaomi numa interface especialmente adaptada para ecrãs com a proporção de 18: 9, já que adotou, por exemplo, os gestos para os seus smartphones de ecrã total. A nova atualização continua esta tendência.

O novo menu Recentes disponibiliza uma lista vertical de aplicações em execução, fazendo um uso total do espaço do ecrã expandido. Em paralelo, também pode deslizar as aplicações para as excluir ou ficar a tocar nas mesmas para obter mais opções.

Notificações inspiradas na natureza

Fazendo lembrar a interface TouchWiz da Samsung, a Xiaomi procurou a natureza para fornecer notificações e outros sons do sistema. A empresa afirmou que está a utilizar sons de gotas de água para os seus alertas, acrescentando que as notificações consecutivas vão resultar em diferentes sons.

Um temporizador para relaxar?

Outra das funcionalidades do MIUI 10 é a capacidade de executar um temporizador. Ele incorpora sons com temas da natureza à medida o tempo é contado. Esses temas são muito variados. Em primeiro, vão desde o som de florestas ao fogo. Depois só precisa de relaxar. Se teve um dia com algum stress, talvez este temporizador possa ajudar.

Volumes redesenhados de volume / brilho

Não é uma das maiores funcionalidades do MIUI 10, mas os novos controlos de volume / brilho destacam-se de outros smartphones.

Tocar nos botões de volume inicia a sobreposição do ajuste do volume no lado direito do ecrã (perto dos botões). Claro que isto pode variar segundo os temas e algumas vezes o indicador de som pode vir a aparecer na parte superior do ecrã.

Os dois controlos deslizantes também permitem ajustar o brilho/volume deslizando o dedo para qualquer local no painel. É um ajuste pequeno, mas bem-vindo.

Maior capacidade de resposta

À medida que o Android foi evoluindo, a Google esforçou-se para melhorar a velocidade e a fluidez da plataforma. A Xiaomi com a MIUI também fez disso uma prioridade nos lançamentos mais recentes, e a última versão é o exemplo disso.

Assim, esta empresa diz que implementou duas novas funcionalidades no MIUI 10 para acelerar as coisas. Na prática traduz-se num aumento de 10% no desempenho.