É o fim destes três mitos sobre a bateria do seu smartphone!

Não há nada como tirar um novo smartphone da caixa e aproveitarmos o tempo de utilização entre carregamentos. Afinal de contas a autonomia é realmente boa quando o levamos para casa. Mas, passado um ano ou mais, a duração da bateria começa a diminuir. Qual é a causa? Podem ser muitas mas para não dar asneira vamos acabar com os três grandes mitos sobre a bateria do seu smartphone.

É o fim destes três mitos sobre a bateria do seu smartphone!

Ligar o telemóvel à corrente durante a noite é mau para a bateria

Provavelmente um amigo – ou mesmo o vendedor de um smartphone – já lhe disse que é mau para a bateria deixar o aparelho ligado à corrente durante a noite. Mas, por outro lado, quem é que quer acordar às 3 da manhã para desligar o telemóvel?

Calma. A bateria do seu telemóvel é mais inteligente do que pensa. Quando liga o seu smartphone à noite, a bateria de iões de lítio começa a recarregar lentamente até ficar cheia ou “saturada” a 4,1 volts. Depois desliga-se.

smartphone Android não acorda, chegar ao Android
Alarm Clock Snooze Off On Women Mobile Phone

Assim, se o carregador estiver a funcionar corretamente, é impossível “sobrecarregar” a bateria do telemóvel para além do seu limite de 4,1 volts. Mas é mau para a bateria estar totalmente carregada durante longos períodos de tempo? Isso depende do que se espera de uma bateria de telemóvel.

Se alguém quiser manter uma bateria para sempre, então pode chamar-lhe sobrecarga. Mas com um produto de consumo como um smartphone, as pessoas não se preocupam com a duração da bateria. Em dois ou três anos, o vidro parte-se, compra-se um novo e a bateria antiga ainda tem alguma vida útil.

- Advertisement -

Bactérias baterias

As tecnologias com uma vida útil mais longa, como os satélites e os carros eléctricos, são uma história diferente. Nesse caso, os engenheiros têm de tomar precauções especiais para prolongar a vida das baterias de iões de lítio. As baterias recarregáveis dos carros eléctricos, por exemplo, não carregam até 100% da sua capacidade total nem se esgotam até zero.

Assim, não é necessário acordar à noite e desligar o telemóvel totalmente carregado. O objetivo do carregamento de um smartphone é maximizar o tempo de utilização antes de o voltar a ligar à corrente. De manhã, o telemóvel deve estar a 100% para que dure todo (ou quase todo) o dia.

Deixar a bateria descarregar totalmente entre carregamentos

À semelhança de um dispositivo mecânico que se desgasta mais rapidamente com uma utilização intensiva, a profundidade da descarga (DoD) determina o número de ciclos da bateria. Quanto menor for a descarga maior será a duração da bateria. Se possível, evite descargas completas e carregue a bateria com mais frequência entre utilizações.

explodir o telemóvel, gastar bateria do smartphone, android bateria gasta rapidamente

Calor não faz mal

Na verdade, o calor é uma ameaça muito maior para a longevidade da bateria do que as suas práticas de carregamento. Deixar o telemóvel no parapeito de uma janela ensolarada ou no tablier do carro é uma forma garantida de esgotar a sua capacidade.

telemóvel explodir

Curiosamente, a combinação de calor excessivo e de uma carga completa pode ser problemática se armazenar uma bateria de iões de lítio durante muito tempo entre utilizações. Uma bateria armazenada com 100 por cento de carga a 40 graus perderá 35 por cento da sua capacidade total ao longo de um ano. Nas mesmas condições, uma bateria armazenada com uma carga inicial de apenas 40 por cento perderá apenas 15 por cento da sua capacidade ao fim de três meses.

É por isso que as pessoas no sector das baterias armazenam e enviam as baterias a temperaturas controladas e nunca com a carga completa.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.