Microsoft Edge acaba de ficar ainda melhor com esta novidade!

Nas versões preview do Microsoft Edge a Microsoft lançou uma novidade chamada “Web Capture”. Na prática permite criar capturas de ecrã das páginas e criar notas. Isto dá muito jeito. É que também os podemos partilhar com muita facilidade. Entretanto é possível capturar páginas de forma completa ao deslizar até ao final da página.

Microsoft Edge acaba de ficar ainda melhor com esta novidade!

Assim, quando arrasta a ferramenta de selecção até ao final da página, o scroll será automático. Outra coisa que dá também muito jeito.

Microsoft Edge novidade

Já quando seleciona uma determinada área vê um menu com duas opções. Copiar e adicionar notas. A primeira opção adiciona a imagem ao clipboard. Mas a segunda, como o nome indica, permite adicionar notas. Isto se tiver uma caneta ligada ao dispositivo.

Entretanto também pode usar o atalho do teclado Ctrl+Shift+S para abrir o modo de captura, conforme refere o site Bleeping Computer.

Microsoft Edge novidade

Com o último update, a Microsoft também adicionou a possibilidade de traduzir o texto selecionado numa página e há também uma nova opção para configurar o reconhecimento do trabalho.

O Microsoft Edge está cada vez melhor e embora seja baseado no mesmo motor do Chrome, até pode ser uma ameaça para este browser.

O Microsoft Edge ultrapassa o Chrome na velocidade. Mas depois de mudar para o motor Chromium, a utilização de RAM do Edge também aumentou. Para reduzir o impacto, a Microsoft começou a trabalhar numa série de novas funcionalidades que permitem uma melhor gestão de memória e do CPU.

Microsoft Edge novidade

Assim, o Microsoft Edge já tem duas funcionalidades chamadas “Otimizações guiadas por perfil” e “Otimizações de tempo de link”.

Com a atualização do Windows 10 de maio de 2020, a utilização de memória do Microsoft Edge também foi reduzida significativamente. A empresa afirma que o uso de memória do Edge baseado no Chromium caiu em até 27% depois dos programadores terem implementado a tecnologia “SegmentHeap”. É algo que está disponível para aplicações Win32.

Assim que o Edge se tornou mais rápido após a implementação do SegmentHeap, a Google também decidiu usar a mesma função no Google Chrome. Pode ler mais sobre isso aqui.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Galaxy S22: o grande upgrade nas câmaras não vai acontecer!

Já há vários meses que têm surgido na Internet rumores sobre o Galaxy S22 e isto não é uma surpresa. As pessoas querem sempre...

Semana brutal na Netflix! Viu os projetos que vão chegar?

De semana a semana, vamos recebendo novos projetos verdadeiramente brutais. Sendo que tal como na semana passada, também nesta teremos direito não só a...

Gmail para Android: não utilize mais sem fazer estas alterações!

O Gmail é sem dúvida das melhores plataformas de email. É fiável, tem uma grande capacidade de armazenamento e raramente falha. É por isso...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!