MacBook ‘Low-Cost’: Parece mentira! Mas pode ser verdade!

spot_img

Quando vê algum produto com uma maçã, já sabe que vai ter de fazer contas à vida… A coisa vai ser cara! Mas, numa estratégia muito interessante originalmente implementada pela Google (Chromebook), a Apple está a olhar para o potencial de equipar muitas e boas escolas com portáteis MacBook, para fazer com que a nova geração cresça a mexer em computadores baseados no sistema operativo macOS, em vez do Windows ou ChromeOS.

Inteligente! Porque desta forma, é muito mais provável que os utilizadores continuem dentro do ecossistema ao longo da sua vida.

MacBook ‘Low-Cost’: Parece mentira! Mas pode ser verdade!

MacBook, Apple

Portanto, no meu tempo de estudante, a grande maioria dos computadores de qualquer escola que tenha frequentado traziam como base o sistema operativo Windows. Na faculdade já tínhamos outros sistemas operativos à escolha, com várias cadeiras de programação a preferirem ambientes Linux ao velho Windows.

Mas uma coisa é inegável, a grande maioria dos Portugueses sabe mexer no Windows, e prefere o Windows, porque cresceu a mexer no Windows. O ser humano é uma criatura de hábitos, sendo exatamente por isso que a Google tem tentado entrar no mercado a partir dos mais novos, e ao que tudo indica, a Apple tem agora planos para fazer algo de muito similar.

Sim, a Apple está a planear lançar um MacBook ‘low-cost’ capaz de rivalizar com o Chromebook. A ideia é disponibilizar este computador a um preço muito mais apelativo para os estudantes, provavelmente já a partir do segundo semestre do próximo ano. Ou seja, este MacBook ‘barato’ pode ser uma realidade no mercado dentro de mais ou menos 1 ano.

Curiosamente, este pode ser o regresso do MacBook de 12 polegadas, que tanto já foi “leaked”, mas tem teimado em aparecer no mercado.

Isto fazia sentido para a Apple?

Sem dúvida! Consegue imaginar uma máquina compacta, equipada com um SoC M1, 128GB ou 256GB de armazenamento interno, e uma bateria pura e simplesmente incrível? Seria uma máquina muito complicada de bater no mundo do ensino. Especialmente a 400~500€.

Isto é interessante porque a Apple podia produzi-la em números massivos, provavelmente números muito acima daquilo que as parceiras da Google querem ou conseguem fazer.

 

Não perca nenhuma informação importante. Registe-se na nossa Newsletter grátis e receba todas as notícias diariamente no e-mail. Siga-nos também no Google Notícias.
mm
Nuno Miguel Oliveirahttps://www.facebook.com/theGeekDomz/
Desde muito novo que me interessei por computadores e tecnologia no geral, tive o meu primeiro PC aos 10 anos e aos 15 anos montei a minha primeira torre, desde aí nunca mais parei. Tudo o que seja tecnologia, estou na fila da frente para saber mais.
- Publicidade - Globaldata

Em destaque

Leia também...