Inicio Kids Leak Kids: Já conhece as Ecografias Emocionais?

Leak Kids: Já conhece as Ecografias Emocionais?

O nascimento de um filho é um dos momentos mais especiais na vida de qualquer casal que espera ansiosamente pelo fim dos 9 meses de gravidez, para conhecerem o novo elemento que os irá acompanhar ao longo das suas vidas. Mas e se pudesse acompanhar e ver o seu filho ao longo da gravidez e de uma forma mais inovadora do que a disponibilizada pelas ecografias tradicionais? Foi a pensar nisto que nasceram as ecografias emocionais.

Pela mão da empresa Ecox 4D, as ecografias emocionais, em 3D e 4D, (apelidadas de emocionais) dão a conhecer o bebé com a melhor qualidade de imagem possível e em tempo real.

Depois de conquistarem as mães espanholas, sendo que 20.000 mães experimentarem este serviço, as ecografias emocionais chegaram a Portugal.

A Leak, inaugurando a sua secção Kids que como o próprio nome indica destina-se essencialmente aos temas que envolvem as crianças, esteve à conversa com Amadeo Blanquer, Director Geral da Ecox 4D, que nos explicou detalhadamente as vantagens desta tecnologia.

Patrícia Fonseca – Como nasceu a Ecox 4D?

Amadeo Blanquer – A Ecox 4D nasceu da colaboração de profissionais de saúde e técnicos audiovisuais com o objetivo de criar um centro especializado em ecografia emocional, uma vez que tínhamos conhecimento que as pessoas procuravam este serviço e também pela necessidade dos futuros pais quererem conhecer o seu bebé antes do nascimento num ambiente tranquilo, diferente e onde o único propósito fosse esse.

P.F. – O que leva as pessoas a procurarem as ecografias emocionais?

A.B. – Acreditamos que é devido à oportunidade de poderem ver e sentir os seus bebés de uma forma próxima, mais nítida, sem pressas, acompanhadas de quem desejarem e com um atendimento dedicado e personalizado. A gravidez é uma das fases mais bonitas e importantes na vida de uma mulher e a maioria das grávidas tem interesse em saber como é a vida intrauterina do seu bebé. Na Ecox 4D isso é possível.

P.F. – O que difere nas Ecografias 4D, comparativamente às convencionais?

A.B. – O primeiro aspeto importante a referir é que as nossas ecografias 4D não substituem as ecografias médicas, de diagnóstico, e que geralmente são feitas em 2D (imagens planas a preto e branco). As 4D são um complemento a essas ecografias. Costumamos dizer que depois de a mamã fazer a sua ecografia de diagnóstico, é tempo de emoções, de desfrutar do seu filho. A técnica em ecografia 3D-4D é muito diferente à ecografia convencional 2D. Uma ecografia 4D acrescenta movimento em tempo real à imagem tridimensional. As ecografias 4D têm o objetivo de dar a conhecer o bebé com a melhor qualidade de imagem possível e em tempo real, potenciando o vínculo afetivo.

P.F. – Tecnologicamente falando, como é possível esta obtenção das imagens vídeo em 3D?

A.B. – Alguns ecógrafos permitem obter imagens através de um software específico que transforma a imagem 2D, plana e diagnóstica, numa imagem com volume 3D. Mais tarde avançou-se para a tecnologia 4D que são imagens em 3D com movimento em tempo real de tal forma que podemos ver o que o bebé está a fazer naquele preciso momento. A Ecox 4D desenvolveu um dispositivo de captura e otimização de imagem 4D denominado Ecox System, que só é utilizado nos seus centros e que permite entregar material com grande qualidade como recordação da sessão. Utilizamos um ecógrafo de última tecnologia e este Ecox System, que nos permite captar imagens quase perfeitas, oferecendo uma maior suavidade nas texturas e definição que as outras ecografias.

P.F. – Estas ecografias podem ser utilizadas como diagnóstico?

A.B. – Não é esse o nosso objetivo. As ecografias de diagnóstico são extremamente importantes para se obter a informação de que está tudo bem com a saúde do bebé. Não queremos de forma alguma ser concorrentes das ecografias médicas, mas sim encarados como um complemento. Não obstante, muitas grávidas procuram-nos no sentido de saberem o sexo do bebé e para verem com mais qualidade e tempo como é o bebé, se está a crescer bem.

P.F. – Quais os melhores momentos durante a gravidez para a realização das ecografias emocionais?

A.B. – A premissa de base é que este tipo de ecografias seja realizado após a ecografia de diagnóstico. Depois do diagnóstico é tempo de emoções. Costumamos dizer que o melhor momento depende do que a grávida pretende ver no seu bebé, se é o corpinho todo, se são as suas expressões faciais, os seus movimentos. A Ecox 4D recomenda três momentos da gravidez para a realização de uma ecografia 4D:

  • Nas semanas 16-17, em que a mamã ainda não sente no completo o seu bebé mas já é possível vê-lo de corpo inteiro;
  • Nas semanas 22-23, em que o bebé já está ligeiramente maior, percebe-se perfeitamente a sua cara e todo o corpo é contemplado na ecografia.
  • Nas semanas 27-30, em que a mamã está no último trimestre da sua gravidez e, tendo em conta essa fase, a ecografia é focada na cara do bebé (devido ao espaço que o bebé dispõe no ventre). É possível ver as suas expressões, gestos e movimentos, bem como semelhanças com os papás.

Também é possível realizarmos a ecografia depois destas semanas da gestação, mas é preciso ter em conta vários fatores. Realizamos frequentemente em semanas mais avançadas, nomeadamente nas 36 e 37.

P.F. – Existem riscos associados?

A.B. – Estas ecografias não têm qualquer risco quer para o bebé quer para a mamã. Ao longo dos últimos 35 anos não se encontraram evidências de que as ecografias prejudiquem os bebés em desenvolvimento ou que exista um efeito acumulativo por se fazerem múltiplas ecografias. Trata-se de uma técnica indolor, inócua e completamente segura tanto para a mãe como para o bebé.

P.F. -Onde podemos encontrar a Ecox 4D?

A.B. – A Ecox 4D chegou a Portugal, à capital, em setembro de 2013. Em janeiro deste ano foi inaugurado o segundo centro português, em Leiria.

Em Lisboa estamos na Avenida de Berna, nº 56 C (1050-043 Lisboa), e em Leiria as nossas instalações são na Rua Manuel Simões Maia, nº 163 (2415-520 Leiria).

Para mais informações sobre a Ecox 4D basta consultar www.ecox4d.pt e/ou https://www.facebook.com/ecox4dportugal Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Quer receber notificações gratuitas no seu smartphone ou computador sempre que lançamos um novo artigo? Clique aqui.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Patricia Fonseca
Viciada em tecnologia, entrou para a equipa em 2012 e é responsável pela Leak Business, função que acumula com a de editora da Leak. Não dispensa o telemóvel nem o iPod e não consegue ficar sem experimentar nenhum dispositivo tecnológico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia também

Discos rígidos de 20 TB em Dezembro! 50 TB em 2026

É provável que conheça a Seagate, afinal de contas, estamos a falar de uma das mais populares e velhas fabricantes na indústria do armazenamento....

Já sabemos o que valem os novos Ryzen 5800X e 5950X!

Estamos muito perto da chegada dos novos Ryzen 5000 ao mercado, aliás, talvez mais interessante que tudo isto, estamos a horas do lançamento das...

iPhone 12 e iPhone 12 Pro estão a ganhar muitos riscos no ecrã!

A gama Apple iPhone 12 está no mercado há cerca de quatro dias e já houve vários relatos sobre esses smartphones. De acordo com...

Novo update do Windows 10 remove uma tralha especial!

A Microsoft disponiblizou um novo update para o seu sistema operativo. Assim surge no catálogo de atualização e remove uma tralha específica do Windows...

A NVIDIA está com medo da AMD Radeon RX 6800 XL!

Isto parece um bocado 'parvo'... Mas mesmo com uma profunda dificuldade na resposta à atual procura do mercado, tudo indica que a NVIDIA já...