Investigadores criam telemóvel que não precisa de ser carregado

Os investigadores da Universidade de Washington desenvolveram um novo smartphone que nunca necessita de ser carregado e que vai buscar a energia ao ar, ao invés das células presentes nas baterias de lítio.

Na prática, este dispositivo móvel tem a capacidade de converter as ondas de rádio emanadas numa determinada frequência, em energia. É certo que a energia fornecida por estas ondas de rádio não é nada de extraordinário, no entanto é o suficiente para dar vida a este equipamento. Outra das caraterísticas deste dispositivo móvel, é o facto do discurso analógico não ser convertido para um sinal digital.

Este dispositivo móvel tem estado a ser desenvolvido no ano passado por Vamsi Talla, um investigador associado do laboratório de Joshua Smith que efetua diversas pesquisas ao nível científico e elétrico na Universidade de Washington.

Este cientista explicou numa entrevista à revista Wired que “converter o discurso humano para analógico consome muito energia. Se conseguirmos comunicar através de tecnologia analógica estamos a consumir muito menos energia.

Se ficaram curiosos acerca deste equipamento, podem ficar a saber mais na Wired.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

1 COMENTÁRIO

Leia também