Intel contínua com dificuldades na produção de 14nm! Mas como!?


Por em

Como deve saber a Intel anda a ter problemas contínuos com o seu processo de produção de 14nm, algo que já se arrasta desde 2018! E que claro não está a ajudar na guerra contra os super populares Ryzen 3000 da AMD.



Portanto, após o falhanço na passagem para os 10nm, a Intel viu-se obrigada a voltar a apostar nos 14nm… O que claramente não correu bem, mesmo depois dos mil milhões de dólares que foram investidos para potenciar as linhas de produção.

A Intel contínua com problemas nas linhas de produção de 14nm em 2019

Intel Core 10000

Ou seja, de acordo com as últimas informações, as linhas de 14nm voltaram a ficar aquém do esperado! Por isso, é provável que muitas fabricantes tenham de adiar o lançamento de vários produtos para 2020.



Assim, é bem provável que os novos processadores mobile Intel Core de 10ª geração sejam as primeiras vítimas (Comet Lake). Produtos que deveriam chegar ao mercado tendo como base o processo 14nm+++, que por sua vez deveria alcançar frequências nunca antes alcançadas, e por isso um nível de performance bem interessante.

Aliás, segundo os últimos relatos, a Intel prefere apostar no muito maduro processo de 14nm, que consegue agora alcançar frequências avassaladoras. Em vez do novo processo de 10nm que ainda é muito ‘verde’ e que apesar de trazer mais IPC para cima da mesa, provavelmente iria ficar aquém da performance do velhinho método de produção.

Em suma, dito tudo isto, é provável que o número de portáteis ‘Intel Inside’ seja muito escasso na época festiva de 2019. Com a grande maioria dos modelos a chegar às prateleiras no primeiro trimestre de 2020.


Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Leia também

Ou veja mais notícias de Featured, Hardware

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

MIUI 11 para o Poco F1 já está confirmado. Veja quando chega

Huawei Kirin 990 consegue mais de 400 mil pontos no Master Lu

Seguinte