Huawei voltou a crescer e Estados Unidos resolveram atacar

Alguém tem andado muito ocupado e revogou oito licenças em 2024 que permitiam a algumas empresas exportar produtos de alta tecnologia para a gigante chinês Huawei. Esta organização ocupada é, obviamente, a administração Biden. Assim o Departamento do Comércio (que supervisiona a política de exportação dos EUA) revogou “certas” licenças. Huawei voltou a crescer e Estados Unidos resolveram atacar.

Huawei voltou a crescer e Estados Unidos resolveram atacar

O último relatório da Reuters revela mais sobre o assunto. Assim conta a história de como Washington conseguiu cancelar um total de oito licenças (até agora em 2024) com o objetivo de aumentar a pressão sobre a empresa, que ressuscitou com o lançamento do Mate 60 Pro. Este smartphone com capacidade 5G não deveria ter-se materializado mas apesar das sanções dos EUA, fê-lo no ano passado.

mate 60 pro

As vendas de smartphones da Huawei aumentaram 64% ano a ano nas primeiras seis semanas de 2024, de acordo com vários relatórios. O negócio de componentes para automóveis inteligentes da Huawei também contribuiu para o seu crescimento de receitas mais rápido em quatro anos em 2023.

Ou seja, apesar de tudo a Huawei conseguiu voltar a crescer e os Estados Unidos voltaram a tentar cortar-lhe as pernas.

Em 2019 a gigante chinesa enfrentou um revés significativo

Os Estados Unidos afirmaram que os telemóveis Huawei representam um perigo (devido a questões de privacidade) e impuseram sanções à empresa. Estas sanções impediram as empresas americanas de fazer negócios com a Huawei, nomeadamente no fornecimento de tecnologias e software essenciais para os seus smartphones.

na Play Store, Novidade na Play Store

Um dos impactos mais críticos foi a perda de acesso ao Google Mobile Services (GMS). Lembro que inclui aplicações populares como o Gmail, o Google Maps e a Play Store, nos novos smartphones da Huawei. Isto significava que os telemóveis Huawei lançados após as sanções já não podiam vir pré-instalados com estas aplicações familiares da Google, afetando o seu apelo junto dos consumidores internacionais que dependem destes serviços.

O governo dos EUA argumentou que os laços estreitos da Huawei com o governo chinês representavam um risco potencial de espionagem e de acesso não autorizado a dados. Isto nomeadamente através do equipamento de telecomunicações da Huawei. Consequentemente, os EUA impuseram restrições às empresas americanas que forneciam à Huawei componentes e tecnologia críticos necessários para a construção e expansão de redes 5G.

Siga a Leak no Google Notícias e não perca todas as informações mais importantes.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também

Quando é que a Apple vai lançar os novos AirPods? E quais?

Embora não tenha havido grandes revisões ao nível dos AirPods em 2023, a Apple está a preparar uma grande mudança para este ano. O...

Google quer roubar a Ray-Ban à Meta!

Ao que tudo indica, a Google já tentou começar algum tipo de conversação com a empresa mãe da popular marca de óculos de sol...

Como descobrir uma fuga de vácuo no seu automóvel?

Embora normalmente seja fácil localizar uma fuga de óleo ou de líquido de refrigeração, sobretudo devido à existência de líquido, encontrar fugas de vácuo...

Como reduzir os reflexos no ecrã do seu televisor! É simples

Apesar de os televisores terem evoluído muito, há uma coisa que continua a impedir a experiência de visualização perfeita: O brilho. Seja qual for...

Muita atenção à profundidade de descarga do seu veículo elétrico

A profundidade de descarga refere-se à quantidade de bateria que utiliza entre carregamentos. Por exemplo, se tiver uma bateria de 100 kWh, uma profundidade...

iPhone 15 vai ficar mais barato!? Tenha paciência!

Como deve saber, a gama de smartphones iPhone 16 está quase a ser anunciada e posteriormente lançada no mercado Global. Afinal de contas, a...

Newsletter Leak

Receba todas as notícias e destaques diretamente no e-mail. É grátis!

Artigos relacionados