Huawei não vai vender os seus processadores a ninguém!

Xangai foi o palco da ‘Huawei Global Analyst Conference’ onde este fabricante abordou vários tópicos, desde a questão com a AT&T até aos problemas que as empresas chinesas enfrentam actualmente nos Estados Unidos.

Huawei

Durante a sessão de perguntas e respostas na conferência, perguntaram à Huawei se está a planear exportar ou vender os seus chipsets a outros fabricantes.

A resposta não tardou, com a fabricante Chinesa a afirmar que não quer transformar a produção de chipsets num negócio independente. Ou seja, não pretende gerar receita vendendo a sua linha de processadores Kirin a outros fabricantes.

Huawei

A Huawei referiu ainda que fabrica os seus chipset para desenvolver a sua própria arquitetura de hardware e oferecer um fator diferenciador comparativamente a outras ofertas do mercado. No entanto este fabricante não pretende utilizar os Kirin em todos os seus equipamentos uma vez que empresas como a Qualcomm e a MediaTek – dois dos maiores fabricantes de chipsets móveis também são fornecedores da Huawei.

Leia também estes artigos relacionados com a fabricante

  • P20 Pro vs iPhone X: qual é mais rápido? – aqui
  • Bicada à Samsung nos ecrãs dobráveis – aqui

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também