Huawei ainda pode ser número um mesmo sem a Google!


Por em

A Huawei tem tido um 2019 bastante complicado, devido à proibição comercial dos EUA. Na prática, isto significa que os novos modelos da Huawei não podem estar equipados com os serviços da Google. Mas que hipótese haverá para a Huawei sem a Google? Aparentemente, as mesmas.

Huawei ainda pode ser número um mesmo sem a Google!

Apesar dessa restrição significativa, o fundador da Huawei, Ren Zhengfei, continua otimista com o futuro da sua marca.

“Não acho que isso seja um problema, mas leva tempo”, afirmou Ren à CNN quando lhe perguntaram se a Huawei ainda poderia ser a marca número um sem o apoio da Google. “Quando digo que leva tempo, refiro-me ao mercado externo, porque vamos regressar ao mercado externo no próximo ano e no ano seguinte”.

Ren afirmou a este conhecido orgão de informação que a Google não recebeu uma licença do Departamento de Comércio dos EUA para negociar com a Huawei, nem deve receber. Isto acontece uma semana depois da Microsoft ter obtido uma licença do governo dos EUA para exportar software para a Huawei.

sem a Google

Entretanto o fundador da Huawei reiterou que a empresa está a trabalhar em segundo plano numa aposta em larga escala (presumivelmente referindo-se ao projeto Harmony OS) caso a Google não possa realizar negócios com a Huawei e não haja Android para ninguém. Claro que a Google iria fazer sempre falta. É que para já, o ecossistema AppGallery da Huawei carece de várias aplicações essenciais, então esperamos mesmo que este seja o último recurso. É que equipamentos com boas especificações de hardware, merecem software à altura.

Apesar da proibição comercial à Huawei, a empresa apresentou um aumento de 24,4% na receita ano a ano nos três primeiros trimestres. A empresa também anunciou um aumento de 26% nas remessas de smartphones nos três primeiros trimestres de 2019.

Entretanto, a empresa não detalhou o desempenho real no terceiro trimestre. O que nem era preciso até porque nesta altura o Huawei Mate 30 ainda nem estava (nem está) disponível na maioria dos mercados. Dito isto, todos os olhos estarão voltados para os resultados do quarto trimestre da empresa. É que só assim podemos perceber se esta proibição comercial está a ter grande impacto na Huawei ou não.

Leia também

Ou veja mais notícias de Android, Featured

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.
Anterior

Huawei Nova 6 5G aparece no Geekbench com Android 10

Android 10 para o ASUS Zenfone 5Z já está disponível!

Seguinte