Homem encontra por acidente um Apple IIe com 30 anos

Tenho alguns amigos que têm verdadeiras coleções de computadores antigos em casa. Um deles até encheu uma sala inteira com máquinas que foram sendo lançadas ao longo do tempo. Para estes coleccionadores deitar as mãos a uma máquina antiga nem sempre é uma tarefa fácil. No entanto, há outros que quando menos contam, um computador lhes cai nas mãos. Ainda por cima, um Apple IIe.

Foi exatamente isto que aconteceu com um professor de direito da Universidade de Nova Iorque. Sem querer, descobriu que um velho Apple IIe que estava no sótão dos pais ainda funciona sem problemas.

O professor John Pfaff, da Fordham University, em Nova York, descobriu o terceiro modelo com 30 anos da série Apple II, lançada em 1983. Apesar de estar no mesmo local há anos, ainda funciona e dá para jogar.

Este professor escreveu no Twitter que passou a ter novamente 10 anos quando voltou a jogar um título chamado Adventureland. Este foi o primeiro jogo de aventura de texto para microcomputadores lançado por Scott Adams em 1978.

Entretanto, John Pfaff também experimentou vários outros títulos, incluindo o famoso Millionware, o Olympic Decathlon e o Neuromancer, que é vagamente baseado no livro de 1989 de William Gibson.

Outro aspeto mais sentimental é que este professor também encontrou uma carta que o seu pai tinha digitado em 1986. Na altura, o filho tinha 11 anos e estava no acampamento de verão.

Conforme referimos o Apple IIe foi o terceiro modelo da série de microcomputadores Apple II produzida pela Apple Computer.

O e vem de enhanced (“aperfeiçoado”) pelo facto de vir com novas funcionalidades e expansões.

Realmente, o Apple IIe tornou-se no computador da história da Apple com maior longevidade, tendo sido produzido e comercializado ao longo de quase 11 anos com alterações relativamente pequenas.

O Apple IIe vs os tempos atuais

De facto é interessante olharmos para a evolução da tecnologia e vermos o quão diferente era há alguns anos. Olhem para as especificações atuais e vejam.

Hoje falamos em GHz, antigamente falávamos apenas em MHz. Este computador tinha um processador a 1.02 MHz. Parece mentira não é?

Entretanto ao nível de ROM tínhamos 16 ou 32K. Já a memória onboard era de 64kb. Mas atenção, porque podia ser expandida até 128kb.

Fonte

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Mais deste autor

Relacionadas

Publicidadespot_img

Últimos artigos

Não jogue estes jogos! São considerados os mais tóxicos!

Se por acaso costuma jogar diariamente os mais diversos vídeo jogos então certamente deverá saber que existem uns com comunidades mais tóxicas do que...

Google TV: Tudo o que precisa de saber acerca do serviço!

Num mundo em que temos cada vez mais serviços de subscrição a ocupar o ecrã da nossa TV, eis que a gigante da pesquisa...

Netflix perdeu contra a HBO! Primeira vez em muito tempo…

Foi um ano em cheio para as plataformas de Streaming. Sobretudo porque os cinemas se encontraram fechados durante muito tempo, devido claro está, à...

Não perca nenhuma informação de última hora!

Registe-ne na Newsletter Leak e receba diariamente todas as informações no seu email!