HMD Global admite que cometeu um erro com os Nokia

A HMD Global, a empresa finlandesa responsável pelos smartphones da marca Nokia, lança cerca de uma dúzia de novos dispositivos todos os anos. Uma mais valia é que se adaptam às carteiras de todos os utilizadores. No entanto, quanto mais smartphones uma empresa lança, mais difícil é conhecermos com alguma clareza todos os modelos existentes.

HMD Global admite que cometeu um erro com os Nokia

Para além disso, se uma empresa não utilizar um esquema de nomenclatura claro, podemos estar perante uma verdadeira confusão para quem quer comprar um smartphone.

A HMD acredita que fez um excelente trabalho ao disponibilizar smartphones para todas as carteiras. No entanto, admite que não trabalhou tão bem a questão do nome.

O responsável pela linha de produtos da HMD, Pranac Shroff, revelou ao site Gadgets360 que, apesar da sua empresa ter lançado diversos smartphones, não fez um bom trabalho a deixar tudo claro ao nível de modelos.

Embora a empresa finlandesa tenha tentado ajustar os nomes ao longo do tempo, os clientes ainda não estão cientes de que existem grandes diferenças entre smartphones como o Nokia 3 e 3.1 ou o Nokia 8 e 8.1.

A boa notícia é que a HMD está determinada a abordar esta questão. Assim, a estratégia da empresa inclui um esquema de atribuição de nomes mais claro. Assim, vai tornar tudo mais fácil.

Entretanto e já que falamos da HMD Global saiba que a empresa finlandesa vai lançar um smartphone 5G este ano, que pode ser o sucessor do Nokia 9 PureView. No entanto, as novas informações apontam para mais uma novidade. Não haverá apenas um equipamento 5G, mas sim dois. Entretanto, já se sabe também quando é que eles poderão ser lançados.

dois smartphones 5G

De acordo com as informações avançadas pelo site Nokia Power User, a informação parte da mesma fonte que revelou pormenores acerca do Nokia 2.2 e que acabaram por se confirmar.

Esta fonte afirmou que um dos smartphones 5G será um verdadeiro topo-de-gama.

Exemplo disso é que vai apostar no processador Snapdragon 855. Já o outro será mais económico. Dito isto, pode apostar num chipset Snapdragon da linha 700. Considerando que um dos topos-de-gama da HMD Global é o Nokia 8.1, é possível que o segundo smartphone 5G seja o sucessor deste. Dito isto pode ser chamado de Nokia 8.2.

Espera-se que ambos sejam lançados no final do terceiro trimestre.

Esta fonte não revelou nenhumas informações acerca do design dos dois smartphones. Ainda assim quase que apostamos que virão com um furo no ecrã.