Google Play Store: é a maior mudança de sempre a instalar apps!

As aplicações estão cada vez maiores e isto acaba por ter interferir com os recursos disponíveis nos smartphones e também nos planos de dados. É que quando não temos uma rede Wi-Fi por perto e temos de utilizar apenas a nossa rede 4G para descarregarmos jogos ou aplicações as coisas podem-se complicar. Recentemente a Google tentou resolver este problema com algo chamado App Bundles. Na prática, é a possibilidade dos programadores desenvolverem várias versões das suas aplicações conforme os smartphones a que se destinam. Depois a Play Store encarrega-se de disponibilizar o que for correto para cada equipamento. Agora tudo vai ficar ainda melhor para quem quer instalar apps através da Google Play Store. Tudo graças a uma coisa chamada otimização da instalação de uma aplicação e a ideia é realmente inovadora.

Google Play Store: é a maior mudança de sempre a instalar apps!

Vou tentar explicar isto de uma forma mais ou menos simples. Se joga FIFA na PlayStation, por exemplo, já reparou que quando corre o jogo pela primeira vez temos a possibilidade de fazermos uma partida enquanto outros conteúdos são descarregados. Ou seja, o jogo está funcional mas ainda não contém tudo, dado que ainda se está a fazer download do resto. Ora é mais ou menos isto. Mas vamos agora aplicar este conceito às apps para ainda perceber melhor e o site 9to5Google até já encontrou documentos que explicam tudo.

Google Play Store instalar

Ora quando abrir uma app pela primeira vez, a Google verifica quais as partes da aplicação que utiliza logo e aquilo que só vai usar depois. Por exemplo, quando descarrega o Instagram pela primeira vez, vai utilizar os primeiros minutos a definir o perfil e a encontrar amigos. Se este for o caso para um número significativo de utilizadores, então a Play Store vai descarregar em primeiro lugar essa parte da app, deixando o resto desinstalado até que queira utilizar essas funcionalidades ou quando a ligação ficar melhor. Por exemplo, vai haver a possibilidade de se descarregar parte numa rede 4G e o resto quando estiver ligado a uma rede Wi-Fi.

Esta análise de dados não só é positiva para a questão dos downloads mas também para a gestão de recursos no seu smartphone.

Assim, em vez de abrir toda a aplicação na memória, o smartphone pode carregar apenas as partes que utiliza mais. Isto vai reduzir a carga no processador e a quantidade de memória necessária.

Google Play Store instalar

Tudo isto é feito através da política de privacidade atual. Assim, não se usam quaisquer informações pessoais suas. Para explicar melhor e pegando no caso do Instagram, a Google não vai analisar os posts que colocar, nem as stories. O que vai fazer é apenas perceber se está a utilizador apenas o Instagram para ver coisas em vez de mexer com filtros e outros add-ons. No fundo é personalizar o que está imediatamente acessível, de acordo com o que a pessoa costuma fazer.

Google Play Store instalar

Entretanto quando esta novidade que está em preparação estiver disponível, pode optar por não fazer parte do processo. Neste caso só terá de aceder à Play Store e desativar esta funcionalidade. Mas ainda assim vai continuar a poder beneficiar dos downloads mais rápidos. A questão é que o seu feedback não será tido em conta e será apenas baseado no que outras pessoas fazem.

De facto, instalar apps através da Google Play Store vai ser muito melhor!

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Em destaque

Leia também