Google I/O 2018: Os principais destaques do evento

Embora o Google I/O se apresente como uma espécie de conferência para programadores, é na prática, o local para a Google interagir com a comunidade de fãs e profissionais. Foi exatamente na apresentação de ontem, que a Google divulgou ao mundo muitas novidades que fomos destacando na Leak. Para que não perca nada do que foi dito, condensámos nas próximas linhas o que realmente importa saber. Preparados para a viagem?

Um Assistente Pessoal muito mais eficaz

As novidades que vão ser implementadas no Assistente do Google não podem ser contadas pelos dedos de uma mão. Ainda assim existem umas que se destacam mais do que outras.

Para além de novas interacções a nível gráfico, os utilizadores vão poder encomendar comida a partir de diversos restaurantes, manter o controlo de todas as atividades e compromissos e ainda partilhar horas de chegada com outras pessoas.

As novas indicações visuais incluem um misto de interações gráficas e por voz que podem ocupar todo o ecrã quando colocamos determinadas questões. Por exemplo, pode pedir ao Assistente da Google para mudar a temperatura da sua sala e será brindado com um termostato interativo para regular os graus.

Importa ainda salientar a capacidade de encomendar comida em diversos restaurantes. No fundo será uma espécie de Uber Eats mas adaptado à Google.

Ao nível das atividades, temos uma integração de notas e listas de serviços como o Google Keep, Any.do, Todoist, entre outros.

Para além do que já referimos, o Google Assistant passa agora a estar presente no Google Maps. Graças a esta integração vai conseguir enviar mensagens, pôr musica a tocar e obter outras informações, sem sair do ecrã de navegação.

Android P em versão beta pronta a instalar

A Google já está a disponibilizar a versão Beta do Android P para o público, por isso se quiser experimentar, basta registar-se aqui.

Este ano a ‘Beta’ está disponível para muitos mais telemóveis ! Como pode ver nesta lista:

  • Essential Phone
  • Oppo R15 Pro
  • Nokia 7 Plus
  • Sony Xperia XZ2
  • Xiaomi Mi Mix 2S
  • Vivo X21
  • OnePlus 6
  • Pixel
  • Pixel 2

Dependendo do telemóvel que tiver, vai ter que seguir passos diferentes para a instalação do OS. E como deve imaginar, vai ser bastante mais fácil num Google Pixel ou Pixel 2, que permite que faça download da versão beta pela própria funcionalidade de actualização do telemóvel.

O Android P inclui novas funcionalidades de relevo, que deverão facilitar o uso do seu companheiro assim que instalar o novo SO.

Mais concretamente, irá conseguir limitar as suas aplicações de forma individual, mudar o tom do ecrã para cinzento á noite, e facilmente esconder todas as notificações quando está de férias, na cama ou simplesmente quer ficar ‘offline’.

Entretanto a Google está a testar uma nova barra de navegação para o Android P que parece bastante similar ao sistema de gestos que a Apple introduziu no iPhone X.

Uma interação com o smartphone muito mais inovadora

A Google revelou as funcionalidades ‘Slices’ e ‘App Actions’ para o Android P! Na prática prometem aumentar o compromisso do utilizador com as suas aplicações, tornando as suas funcionalidades única e mais acessíveis.

Slices

Android P Slices App Actions

O ‘Slices’ oferece uma versão mais pequena de uma aplicação já instalada dentro da pesquisa da Google

Por exemplo, pode escrever algo como “Quero fazer uma reserva de hotel” na pesquisa, e de seguida uma versão limitada de uma aplicação de reservas já instalada no seu telemóvel irá aparecer.

A Google exemplificou o conceito ao escrever “Hawaii”, com o aparelho a mostrar fotos de uma viagem ao local dentro do Google Fotos.

App Actions

Android P Slices App Actions

O Actions serve para prever qual será a próxima acção do utilizador. Por exemplo, coisas como telefonar a uma pessoa ou começar um série de exercíciso físicos irão aparecer em pequenas ‘bolhas’ no topo do Launcher do SO, quando o sistema perceber que vai querer usá-las.

Isto é baseado nos seus hábitos diários! No meu caso por exemplo, costumo ir ao ginásio todos os dias por volta das 18h, altura em que ouço sempre música. O Android P vai perceber isto, e vai colocar as aplicações de exercício físico e música mais acessíveis para mim, ou seja, mesmo no Launcher.

Um Google Maps melhorado

O evento da Google trouxe também novidades para o Google Maps. Assim destaca-se a Navegação Visual e o VPS. Começando pela primeira esta funcionalidade é ativada através de um botão na aplicação. Depois de apontada a câmara para onde precisa de ir, oferece-lhe a informação de uma forma semelhante à realidade aumentada.

  • Esta informação aparece quando é realmente precisa! Como quando tem de virar ou em situações semelhantes, além de ter um pequeno mapa na parte inferior do ecrã.

De futuro, vai existir a possibilidade de adicionarem um boneco animado. Usando a realidade aumentada, podem-se orientar de uma forma ainda mais fácil.

 Visual Positioning System Google Maps

VPS – Visual Positioning System

 Visual Positioning System Google Maps

Mesmo que se perca a usar o GPS, o novo sistema visual da Google usa o Sistema de Posicionamento Visual!

O VPS usa a câmara do seu smartphone e os dados da Google para identificar o que está à sua volta. Na prática e em primeiro lugar oferece uma localização extremamente precisa de onde o utilizador está.

Esta funcionalidade faz o seu trabalho mesmo quando o tráfego de dados à sua volta é muito alta. Mas infelizmente não foi anunciada nenhuma data de lançamento desta actualização ao Google Maps.

Um assistente que atende e faz as suas chamadas

Todos nós temos aqueles momentos em que recebemos uma chamada e não queremos atender. Mas graças ao Google Assistant esses momentos podem deixar de existir. E talvez ninguém fique chateado no processo!

Google Assistant

Durante a Google I/O, foi demonstrado, se bem que ainda em desenvolvimento, um produto chamado Duplex. Este programa utiliza o Assistant para manter uma conversa totalmente normal com a pessoa do outro lado da linha.

Para provar a eficácia do programa, foram gravadas duas demonstrações:

#1

#2

No primeiro vídeo, o Assistant ligou para um salão de beleza. Depois de solicitar uma determinada data e hora, a recepcionista afirmou que o horário não estava disponível e ofereceu uma alternativa.

De forma impressionante, o assistente perguntou se havia vaga numa hora anterior e respondeu ainda a perguntas do salão como se nada fosse.

Na segunda chamada, o Assistente ligou a um restaurante para fazer uma reserva. No início, a empregada que atende não percebe o que foi dito.

  • O pedido foi, ‘uma reserva para “quarta-feira, dia 7″‘. Mas a empregada percebeu ‘reserva para sete pessoas’.

No entanto este corrige-a e diz que a reserva seria para quatro pessoas. Infelizmente o restaurante só aceita reservas para festas maiores, por isso o Google Assistant perguntou sobre os tempos de espera da noite em questão.

Em ambos os exemplos é possível perceber o quão natural é a fala, além de conseguir responder de forma eficaz e precisa ao que lhe é dito.

As notícias que realmente interessam

O novo Google News utiliza o melhor da Inteligência Artificial de forma a ir ao encontro do melhor da inteligência humana. Logo à partida este sistema vai ter a capacidade de ajudar a separar o ruído e manter cada utilizador actualizado nos temas e notícias em que tem particular interesse e também aquelas que estão a despertar interesse em todo o mundo.

 

A nova plataforma, ou a plataforma redesenhada, se preferirem, vai estar disponível a partir da próxima semana em praticamente todas as plataformas, nomeadamente Android, iOS e computadores. O novo sistema analisa em tempo real dezenas de milhares de páginas, tweets, comentários, análises e horas de vídeo que chegam à web a cada minuto de cada dia e organiza-a em histórias que depois chegam de uma forma filtrada ao utilizador.

Novidades no teclado da Google

Foi com uma história bastante comovente, que pode ser vista no vídeo abaixo, que a Google anunciou que o seu famoso teclado presente no sistema operativo Android e não só, o Gboard, vai passar a suportar código morse.

Para desenvolver esta funcionalidade, a Google trabalhou com a programadora Tania Finlayson que necessita do código-morse no seu dia-a-dia para poder comunicar com quem a rodeia.

O código Morse para o Gboard pode ser personalizado de acordo com as necessidades específicas de cada utilizador, revelou ao mundo o gigante dos motores de busca. Esta atualização funciona em conjunto com as funcionalidades de acessibilidade do Android.

 

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Obrigado!

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

Leia também

Deixe um comentário