Google Fotos: grande novidade acaba de chegar à versão web!

O Google Fotos é sem dúvida uma das melhores aplicações. Serve para gerirmos as nossas fotos e para as guardarmos na cloud. Foi uma app muito falada em 2020 sobretudo pelo facto de deixar de ser grátis e por um redesign que destacou muito as memórias. Agora há mais novidades a caminho da versão web do Google Fotos.

Google Fotos: grande novidade acaba de chegar à versão web!

Esta novidade foi descoberta pelo site 9to5Google. O redesign da versão web introduz o novo separador explorar que é igual à pesquisa na app para dispositivos móveis. Nele podemos navegar pelos conteúdos multimédia em três categorias. Pessoas, lugares e Coisas. Também podemos navegar por screenshots, vídeos e outros.

Google Fotos versão web

Apesar de podermos aceder aos nossos favoritos através deste separador, existe também um separador Favoritos no menu de navegação. O que ainda falta nesta experiência web é o acesso às memórias que mostram uma coleção personalizada de fotos, agrupadas por datas ou por um tema em comum.

Já que falamos no Google Fotos há coisas que surgem quando não estamos à espera e esta é uma delas. Ao longo dos últimos anos a Google tem encorajado os utilizadores para armazenarem os seus conteúdos nesta plataforma no modo comprimido de alta qualidade. Até aqui permitia carregar um número ilimitado de fotos para a Google Drive e garantir mais espaço livre no smartphone apagando os originais.

Mas o que se passa com o Google Fotos para poder estragar as suas fotos?

Na altura a Google afirmou que este tipo de armazenamento garantia uma qualidade visual praticamente igual à original. Agora que vamos começar a pagar pelo espaço, parece que este tipo de armazenamento já não é bom o suficiente para os utilizadores.

Google Fotos versão web

Num email que foi enviado para os utilizadores do Google Fotos, esta plataforma sugere que devem alterar o armazenamento de alta qualidade para qualidade original de modo a não danificarem as suas fotos.

Para além disso fizeram questão de dizer que as fotos originais preservam a maioria dos detalhes e permitem fazer zoom, cortar e imprimir fotos com menor pixelização.

Aliás o email até inclui um exemplo que mostra as diferenças de qualidade.

Google Fotos versão web

Ou seja, se as coisas ficarem como a Google está a mostrar então é possível que milhões de memórias acabam destruídas e sem qualidade.

Pode ler mais sobre isto aqui.

Costuma usar o Google Fotos na versão web? Conte-nos tudo nos comentários.

Gosta da Leak? Contamos consigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Subscreva a newsletter Leak e tenha acesso diário aos principais destaques, ofertas e descontos nos parceiros Leak. Clique aqui

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@leak.pt.

mm
Bruno Fonseca
Fundador da Leak, estreou-se no online em 1999 quando criou a CDRW.co.pt. Deu os primeiros passos no mundo da tecnologia com o Spectrum 48K e nunca mais largou os computadores. É viciado em telemóveis, tablets e gadgets.

Leia também