GLP-1: Ficar magro vai ser mais popular que a Inteligência Artificial

Já ouviu falar de Ozempic, ou de drogas similares? Estamos a falar de um medicamento que está a ficar extremamente popular, e que pode mesmo vir a ser um dos assuntos mais falados do próximo ano. Afinal de contas, estamos a falar de uma “droga” capaz de controlar a fome, e como tal, capaz de ajudar no controlo de alguns dos problemas de saúde mais graves da sociedade moderna, a obesidade e a diabetes.

GLP-1: Ficar magro vai ficar mais popular que a Inteligência Artificial

Os medicamentos para perda de peso GLP-1 e os avanços contínuos na esfera da IA são atualmente dois dos maiores temas em discussão no mercado, porque, é para onde o investimento a sério está a ser canalizado.

Mas será um simples medicamente tão merecedor de toda esta atenção? Ao ponto de receber o mesmo tipo de investimento que a loucura da Inteligência Artificial. Vamos por partes.

O que é o GLP-1?

O Glucagon-Like Peptide-1, ou GLP-1, desempenha um papel importante na regulação da fome, e já existe no mercado em vários produtos com nomes diferentes. Por exemplo, a Novo Nordisk vende os seus medicamentosGLP-1 sos rótulos Ozempic e Wegovy. Isto enquanto a Eli Lilly and Company vende a sua própria receita sob os rótulos Mounjaro e Zepbound. Quanto é que isto custa atualmente? Bem, nos Estados Unidos, anda à volta dos 1000 dólares por dose mensal.

Como é que se pode perder peso com este medicamento?

Basicamente, o GLP-1 estimula a libertação de insulina no pâncreas, e bloquea a libertação unútil de glucagom após as refeições para evitar que o excesso de glicose entre na corrente sanguínea. Isto retarda o esvaziamento gástico, o que por sua vez reduz a ingestão de alimentos ao longo do dia.

Além de tudo isto, como muitas das vezes a alimentação exagerada é potenciada por uma necessidade psicológica, os recetores GLP-1 também suprimem a resposta do cérebro ao stress, aumentando a sensação de saciedade. Basicamente, não vai sentir necessidade de comer. Curiosamente, também existem estudos a apontar para a redução de perturbações relacionadas com o abuso de álcool e drogas.

Mas não fica por aqui, outros estudos também indica que este medicamento também reduz a probabilidade de problemas cardíacos ao mesmo tempo que ajuda na perda de peso.

O potencial desta droga é tanto, que já existem alguns analistas de mercado a afirmar que isto pode ser o fim da popularidade do Fast-Food, caso o medicamento comece a ser feito de forma massificada, e chegue ao mercado a um preço mais apelativo, o que claro está, poderá ser o chamariz para qualquer tipo de pessoa.

Em suma, consegue pensar num comprimidinho mágico que promete acabar com o seus kilos a mais? Bem… Ao que tudo indica, ele existe mesmo.

Antes de mais nada, partilhe connosco a sua opinião acerca desta temática na caixa de comentários em baixo.

Entretanto clique aqui para seguir a Leak no Google Notícias e ficar a par de todas as informações mais importantes. Pode também subscrever aqui a nossa Newsletter e receber as notícias no seu e-mail.

Especiais

Subscreva a Newsletter Leak

Não perca nenhuma informação importante! Subscreva a newsletter Leak e receba todas as notícias, destaques e outras informações importantes no seu e-mail.