Estagiário azarado custa milhões de Euros à Google

Já todos passámos ou vamos passar por estágios. Quem viveu esta experiência sabe que, por vezes, pode ser assustador. No entanto, se julgam que têm azar desenganem-se. Há sempre uma pessoa mais azarada que nós. Que o diga um estagiário da Google que inadvertidamente publicou uma publicidade falsa que custou a esta empresa 10 milhões de dólares, algo como 8.7 milhões de Euros.

Tudo começou num exercício de treino

O erro ocorreu durante um exercício de treino em grupo em que os empregados da Google aprenderam a utilizar o sistema de colocação de anúncios. O jornal Financial Times relata que este funcionário foi mais longe do que deveria e submeteu um pedido de compra real no sistema.

Assim, o erro levou à criação de uma publicidade falsa, constituída apenas por um retângulo amarelo. Esta publicidade apareceu em milhões de sites e aplicações nos Estados Unidos e Austrália durante 45 minutos no dia 4 de Dezembro.

Segundo a Google, quando o estagiário se apercebeu do erro que tinha cometido, apressou-se a parar a campanha.

Azar a dobrar: Uma publicidade mal executada e com uma rentabilidade 10 vezes superior para os sites

Como se isto já não fosse mau o suficiente, o estagiário colocou esta publicidade com um preço dez vezes superior ao normal. O preço foi de 25 dólares por CPM (custo por mil impressões). Só para terem uma ideia, o custo normal da publicidade varia entre os 2 e os 4 dólares.

Este novo anúncio não só foi colocado no Google AdX, como também chegou a diversos sistemas de parceiros, o que assegurou uma audiência superior. Entretanto, a Google já prometeu que vai pagar a publicidade exibida aos donos dos sites e aplicações.

Um valor que ronda os 10 milhões de dólares

Embora o valor deste erro nunca tenho sido propriamente declarado, o jornal Finantial Times acredita que pode rondar os 10 milhões.

Entretanto a Google afirmou que já colocou sistemas em funcionamento para impedir que situações como estas voltem a ocorrer. Quanto ao estagiário, nada se sabe. Eventualmente terá um novo cargo na Google, a cuidar dos belos jardins da sede.

O dia está a correr mal? Há sempre alguém a quem o dia corre pior.